Meteorologia

  • 30 JANEIRO 2023
Tempo
MIN 3º MÁX 12º

Dez dicas para aquecer a casa sem comprometer a fatura da energia

Conheça algumas medidas que pode tomar de imediato e outras a longo prazo.

Dez dicas para aquecer a casa sem comprometer a fatura da energia
Notícias ao Minuto

13:55 - 24/01/23 por Notícias ao Minuto

Economia Fatura da energia

Com a descida das temperaturas, aquecer a casa pode ser um desafio - e evitar que a fatura da energia cresça também. Nesta senda, o Portal da Construção Sustentável partilhou, em comunicado enviado ao Notícias ao Minuto, dez dicas que podem ajudar tornar as habitações mais confortáveis, sem comprometer a fatura a pagar. 

Medidas que podem ser tomadas de imediato:

  • Bloqueio de fendas: "Muitas vezes pode não ser percetível, mas existem sempre pequenas fendas, especialmente à volta das janelas e portas que podem deixar entrar mais ar frio do que se pensa. É necessário vedá-las utilizando toalhas ou materiais espessos semelhantes, como o típico 'chouriço' de areia, para bloquear correntes de ar e manter as divisões aquecidas";
  • Investir em cortinas grossas (e corrê-las, especialmente depois do sol se pôr): "Uma forma de evitar a perda de calor pelas janelas durante o Inverno é investir num conjunto de cortinas pesadas e grossas que podem ser fechadas à noite, “prendendo” o calor no seu interior. Não tendo estas cortinas, pode usar cobertores junto ao vidro, arranjando uma forma de os pendurar";
  • Deixar entrar a luz do sol durante o dia: "Apesar do frio, o sol está aí. É importante manter as persianas e cortinas abertas durante o dia, especialmente quando há sol. Isto irá permitir que a luz do sol aqueça naturalmente as divisões. À noite, depois do sol se pôr, é importante fechar as persianas para manter o ar quente dentro e parar as correntes de ar";
  • Fechar divisões menos utilizadas: "Caso tenha divisões das quais pode prescindir, feche-as! Mantenha as portas fechadas das divisões não utilizadas, o que impedirá o ar frio de se deslocar para o resto da casa e conterá o calor gerado nas divisões ativas. Desta forma, terá de aquecer menos áreas";
  • Recorrer a cobertores e mais camadas de roupa: "Se não houver energia extra para aquecer casa, o corpo pode rapidamente sentir as temperaturas exteriores e terá dificuldade em manter-se quente. A colocação de roupa e a utilização de cobertores será uma das formas mais fáceis de manter o calor do corpo. É fundamental proteger os pés, mãos e cabeça, pois por essas zonas que se perde calor mais rapidamente! As camisolas interiores e “leggings” junto ao corpo poderão ser bons “amigos”, nesta vaga de frio";
  • Fixe temporizadores no seu aquecimento: "Caso haja possibilidade, a utilização de temporizadores nos meios de climatização, irão permitir controlar quando o sistema liga e desliga. Trata-se de uma ferramenta bastante útil, pois permite programar o aquecimento central para se adaptar à forma como a casa é utilizada diariamente e ainda equilibrar os gastos de energia";
  • Lareiras sem recuperador de calor: "As lareiras abertas podem ser uma forma significativa de perda de calor numa habitação. Uma chaminé sem um equipamento que a vede ou um exaustor de corrente de ar, pode levar a uma corrente de ar fria e perda de calor durante os meses de Inverno. Pode colocar panos espessos para impedir a fuga de calor";

Medidas a longo prazo:

  • Considerar vidros duplos ou triplos, e caixilharias eficientes: "Não vale a pena investir num bom vidro, se não investir numa caixilharia eficiente. Vidro duplo ou triplo é uma ótima forma de manter o calor dentro da sua casa e reduzir a poluição sonora. As caixilharias eficientes acompanham o desempenho de um bom vidro. Uma boa opção são os não provenientes de materiais como o petróleo, pelos impactes ambientais adjacentes";
  • Aquecimento solar: "Investir em energia renovável, é uma ótima forma de poupar na fatura de eletricidade. Os painéis solares térmicos e os painéis solares fotovoltaicos, respetivamente, utilizam o sol para aquecimento de águas quentes sanitárias, e para produção de energia. Embora sejam bastante caros, o tempo de retorno é relativamente rápido (entre 4 e 8 anos)";
  • Isolar toda a casa: "Até 50% do calor de uma habitação pode escapar pelo telhado, paredes, janelas e chão se um edifício não estiver isolado. O isolamento é o equivalente a colocar um grande cobertor à volta de todo o edifício, o que conduz a que as paredes, o telhado, o chão, as janelas e as portas, mantenham a temperatura no seu interior no nível desejado. Em casas diretamente ligadas ao telhado (habitações unifamiliares, ou últimos pisos), é imprescindível isolar o sótão, pelo exterior da laje. É uma das formas mais fáceis e eficazes de manter a temperatura e impedir as fugas de ar".

Leia Também: Este é o município mais barato em Portugal para comprar casa

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório