Meteorologia

  • 16 AGOSTO 2022
Tempo
26º
MIN 18º MÁX 26º

OE2022. Pagamentos em atraso recuam para 602 milhões até abril

Os pagamentos em atraso das entidades públicas fixaram-se em 602 milhões de euros até abril, menos 33,2 milhões de euros face ao período homólogo, segundo a síntese de execução orçamental.

OE2022. Pagamentos em atraso recuam para 602 milhões até abril
Notícias ao Minuto

20:45 - 26/05/22 por Lusa

Economia OE2022

"No final de abril os pagamentos em atraso das entidades públicas ascenderam a 602 milhões de euros, o que representa uma diminuição de 33,2 milhões de euros relativamente ao período homólogo e um aumento de 93,3 milhões de euros face ao final do mês anterior", lê-se no documento hoje divulgado pela Direção-Geral do Orçamento (DGO).

A evolução homóloga contou com o contributo dos recuos verificados na Administração Regional (18,3 milhões de euros), na Administração Central, excluindo o subsetor da saúde, (8,4 milhões de euros), bem como nas Empresas Públicas Reclassificadas (6,1 milhões de euros).

Já na variação mensal destaca-se o contributo dos Hospitais EPE, com mais 86,5 milhões de euros.

Segundo um comunicado do Ministério das Finanças, nos primeiros quatro meses do ano, a despesa com juros e outros encargos desceu cerca de 368 milhões de euros, ou seja, menos 11,5% face ao período homólogo, sobretudo, devido à redução dos juros com Obrigações do Tesouro.

Leia Também: Estado regista défice de 782 milhões até abril. Melhoria de 4.272 milhões

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório