Meteorologia

  • 09 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 31º

Analistas esperam manutenção do 'rating' de Portugal pela Fitch

A Fitch deverá manter, na avaliação prevista para esta sexta-feira, o 'rating' de Portugal em 'BBB' com perspetiva 'estável', de acordo com os analistas consultados pela Lusa.

Analistas esperam manutenção do 'rating' de Portugal pela Fitch
Notícias ao Minuto

15:56 - 05/05/22 por Lusa

Economia Fitch

A Fitch, que avalia atualmente a dívida soberana portuguesa em nível de investimento 'BBB' com perspetiva estável, tem previsto para esta sexta-feira uma avaliação a Portugal, sendo a terceira agência a fazê-lo este ano.

"É expectável que a Fitch mantenha o 'rating' de Portugal em BBB, e com perspetiva estável. A conjuntura atual tem-se mostrado muito desafiante", disse Filipe Silva, diretor de investimentos do Banco Carregosa, em declarações à Lusa.

O analista justifica que a guerra na Ucrânia, a crescente inflação, bem como os novos confinamentos na China, têm levado a revisões em baixa das perspetivas de crescimento do PIB para este ano e o próximo, enquanto os bancos centrais "tentam a todo o custo correr atrás do prejuízo", quer através da redução dos programas de compras de ativos, quer através de subidas de taxas de juro.

"Portugal, assim como os países da periferia europeia, são os que acabam por ser mais prejudicados neste movimento. O 'spread' da dívida nacional 'versus' o 'bund' tem vindo a subir, assim como o custo para novas emissões que venhamos a fazer. Este poderá ser um fator penalizador no futuro, mas irá sempre depender do valor a que chegarem os juros nacionais", acrescenta.

Também Filipe Garcia, presidente da IMF- Informação de Mercados Financeiros, prevê a manutenção do 'rating' de Portugal pela Fitch.

"Há aspetos positivos a considerar, como a estabilidade governativa, as previsões de redução significativa do défice e da dívida e mesmo a subida da inflação (que está a implicar uma taxa de juro real muito mais negativa) e que permitem algum otimismo", refere.

No entanto, assinala que "o endividamento muito elevado, a inversão do ciclo de taxas de juro, os sinais de abrandamento económico global e a incerteza em torno da guerra no leste europeu deverão ser suficientes para que a perspetiva não se altere".

A Fitch deverá voltar a olhar para a dívida portuguesa no dia 28 de outubro.

Em 11 de março, a agência de notação financeira Standard and Poor's (S&P) reafirmou a avaliação da dívida soberana portuguesa, mantendo o nível de investimento em 'BBB' com perspetiva estável, enquanto a DBRS manteve o 'rating' da dívida soberana portuguesa em "BBB" (alto), mas melhorou a perspetiva de 'estável' para 'positiva'.

A próxima agência a pronunciar-se sobre Portugal deverá ser a Moody's, no dia 20 de maio.

As principais agências de notação financeira têm ainda previstas avaliações no segundo semestre.

A DBRS deverá voltar a pronunciar-se sobre Portugal em 26 de agosto, a S&P em 09 de setembro, a Fitch no dia 28 de outubro e a Moody's no dia 18 de novembro.

O 'rating' é uma avaliação atribuída pelas agências de notação financeira, com grande impacto para o financiamento dos países e das empresas, uma vez que avalia o risco de crédito.

Os calendários das agências de 'rating' são, no entanto, meramente indicativos, podendo estas optar por não se pronunciarem nas datas previstas ou avançarem com uma avaliação não calendarizada.

Leia Também: Angola é o país africano mais beneficiado pelo elevado preço do petróleo

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório