Meteorologia

  • 03 JULHO 2022
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 30º

Seg. Social lança consulta sobre ajuda alimentar em cartão recarregável

Os cartões destinam-se às famílias mais pobres e serão recarregados mensalmente, com um determinado montante financeiro transferido pelo Instituto da Segurança Social.

Seg. Social lança consulta sobre ajuda alimentar em cartão recarregável
Notícias ao Minuto

16:03 - 16/08/21 por Notícias ao Minuto

Economia Criptomoedas

O Instituto da Segurança Social (ISS) lançou, esta segunda-feira, uma consulta preliminar pública para passar a atribuir o apoio alimentar a famílias carenciadas através de cartões eletrónicos, anunciou o Ministério do Trabalho e da Segurança Social.

"Os e-vouchers permitem o acesso a um conjunto de produtos através do carregamento de um valor de forma periódica. Os destinatários poderão utilizar esses cartões em qualquer rede de estabelecimentos que venha a aderir ao projeto, estando a utilização do cartão limitada à aquisição dos bens elegíveis no âmbito do Fundo de Auxílio Europeu às Pessoas Mais Carenciadas (FEAC)", adianta a tutela, em comunicado. 

O processo que foi agora iniciado "servirá para a contratualização de serviços de emissão, gestão, carregamento e reporte financeiro dos cartões eletrónicos".

De acordo com o gabinete da ministra Ana Mendes Godinho, estes vouchers poderão ter a forma de cartão eletrónico (tipo cartão bancário) ou de um código que permite o posterior reembolso do comerciante.

"Os cartões serão recarregados com uma periodicidade, no mínimo, mensal, com um determinado montante financeiro transferido pelo Instituto da Segurança Social", sublinha ainda a tutela. 

"Este é um passo gigante para Portugal estar na linha da frente na adoção de soluções inovadoras, mais eficientes e personalizadas, garantindo o apoio alimentar às pessoas mais carenciadas. Desta forma, reduz-se o estigmatização muitas vezes associada às famílias carenciadas, que assim passam a adquirir os seus bens em igualdade de circunstâncias com as outras famílias, e promove a autonomia, permitindo que cada família possa gerir o seu orçamento", refere a ministra do Trabalho, citada no mesmo comunicado. 

O objetivo, detalha a tutela, é que estes cartões eletrónicos funcionem na rede de retalhistas do setor alimentar, garantindo uma cobertura geográfica dos serviços em todos os concelhos de Portugal Continental e a ligação aos seus sistemas operativos.

Leia Também: Se vai viajar, leve consigo o Cartão Europeu de Seguro de Doença

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório