Meteorologia

  • 31 MAIO 2020
Tempo
27º
MIN 19º MÁX 29º

Edição

UGT congratula-se com reforço de poderes e recursos da ACT

A UGT congratulou-se hoje com o reforço dos poderes e da capacidade inspetiva da Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) para combater os abusos de empresas que estão a aproveitar a crise causada pela pandemia para cometer ilegalidades.

UGT congratula-se com reforço de poderes e recursos da ACT
Notícias ao Minuto

20:56 - 03/04/20 por Lusa

Economia Covid-19

muito positivo que o Governo tenha vindo ao encontro das reivindicações do movimento sindical e que neste documento de emergência tenha dado mais poderes à Autoridade para as Condições do Trabalho para que não permita despedimentos por parte de empresas com menos escrúpulos", disse à agência Lusa o secretário-geral da UGT, Carlos Silva.

O sindicalista também ficou satisfeito com o facto de os recursos humanos da ACT poderem agora ser reforçados com inspetores de outras áreas da administração pública.

"Esta é uma medida há muito reivindicada pelos sindicatos, mas o Governo agora assumiu um compromisso com o movimento sindical e com a sociedade civil e assim, durante 15 dias, a ACT vai ter poderes e capacidade para travar a sangria dos despedimentos", afirmou.

Sem querer generalizar, Carlos Silva disse que há sempre maus exemplos entre as empresas que estão a beneficiar dos apoios estatais e referiu um caso de uma empresa que tem os trabalhadores em 'lay-off', pago maioritariamente pela Segurança Social, e os coloca a trabalhar alguns dias por semana.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhores dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório