Meteorologia

  • 26 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Marcelo congratula-se com juízo favorável à conta da Presidência

O chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, congratulou-se hoje com o juízo favorável à conta da Presidência da República relativa a 2018 formulado pelo Tribunal de Contas, após auditoria.

Marcelo congratula-se com juízo favorável à conta da Presidência

Numa nota divulgada no portal da Presidência da República na Internet, Marcelo Rebelo de Sousa "congratula-se com o juízo favorável do Tribunal de Contas às demonstrações financeiras e orçamentais da Presidência da Republica e, em particular, por ser a primeira entidade cujas contas são aprovadas no novo sistema de normalização contabilística SNC-AP (Sistema de Normalização Contabilística para as Administrações Públicas)".

Na mesma nota, que remete para o parecer do Tribunal de Contas aprovado em plenário geral no dia 10 de julho e hoje tornado público, o Presidente da República "regista o reconhecimento dos esforços feitos na redução das horas suplementares".

Além disso, o chefe de Estado "evidencia os trabalhos em curso para o reforço do sistema de controlo interno, nomeadamente a publicação das aquisições no Portal Base, a complexa integração no inventário geral dos bens culturais do Museu da Presidência, o futuro sistema eletrónico de controlo de assiduidade, a melhor integração dos gabinetes dos ex-presidentes da República e o novo regimento de gestão de viaturas, incluindo a escolha de viaturas elétricas ou híbridas, com vista a obterem-se os desejados efeitos de maior rigor, controlo e transparência orçamental".

O Tribunal de Contas formulou um "juízo favorável" à conta da Presidência da República relativa a 2018, considerando que "a prova de auditoria obtida é suficiente e apropriada para apoiar o juízo expresso".

"O juízo é favorável uma vez que as demonstrações financeiras e orçamentais anexas apresentam de forma verdadeira e apropriada, em todos os aspetos materiais, a posição financeira da Presidente da República em 31 de dezembro de 2018, o seu desempenho financeiro e orçamental e os fluxos de caixa relativos ao ano findo naquela data, em conformidade com os princípios contabilísticos geralmente aceites em Portugal para o setor público - SNC-AP", lê-se no parecer.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório