Meteorologia

  • 23 MAIO 2019
Tempo
19º
MIN 17º MÁX 22º

Edição

Grupo Barraqueiro com combustível para "mais um ou dois dias"

O Grupo Barraqueiro tem combustível para "mais um ou dois dias no máximo", mas, se a greve dos motoristas de pesados de mercadorias se prolongar, admite "suprimir serviços públicos de transportes", disse hoje fonte da empresa.

Grupo Barraqueiro com combustível para "mais um ou dois dias"
Notícias ao Minuto

16:54 - 16/04/19 por Lusa

Economia Transportes

"Podemos suportar mais um ou dois dias no máximo", disse à Lusa o diretor com o pelouro da comunicação, Luís Cabaço Martins, adiantando que as empresas do grupo estão "sem ser abastecidas" desde segunda-feira, quando começou a greve.

O Grupo Barraqueiro "está muito preocupado com a situação" e, segundo Luís Cabaço Martins, "corre o risco de suprimir serviços públicos se a situação não for resolvida rapidamente".

O Grupo Barraqueiro integra as empresas Barraqueiro Oeste, Boa Viagem, Mafrense, Ribatejana, Eva Transportes, Frota Azul, Rodoviária do Alentejo, Rodoviária de Lisboa, Rodoviária do Tejo, Henrique Leonardo Mota Lda, Translagos, Trevo-Transportes Rodoviários de Évora e Marques Barraqueiro, que asseguram serviços públicos de transporte no país, de acordo com a página da internet do grupo.

A greve nacional dos motoristas de matérias perigosas, que começou às 00h00 de segunda-feira, foi convocada pelo Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP), por tempo indeterminado, para reivindicar o reconhecimento da categoria profissional específica, tendo sido impugnados os serviços mínimos definidos pelo Governo.

Entretanto, a portaria que efetiva a requisição civil dos motoristas de matérias perigosas foi hoje publicada em Diário da República e produz efeitos até ao dia 15 de maio.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório