Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2018
Tempo
10º
MIN 10º MÁX 10º

Edição

São estes os artigos mais procurados pelos portugueses na internet

Até junho deste ano, carros, telemóveis, tablets, videojogos e consolas foram os artigos que os consumidores nacionais mais procuram na internet. Os dados são do OLX e revelam ainda quais os distritos com mais ‘transações’ realizadas.

São estes os artigos mais procurados pelos portugueses na internet
Notícias ao Minuto

09:00 - 13/07/18 por Ana Lemos 

Economia OLX

Foram artigos das categorias ‘Carros, Motos e Barcos’ (20%), com particular destaque para os carros, ‘Telemóveis e Tablets’ (8%), com os telemóveis a liderarem, e ‘Tecnologia’ (7%), em especial videojogos e consolas, que os portugueses mais pesquisaram na internet.

No total dos primeiros seis meses do ano, indicam dados do OLX cedidos aos Notícias ao Minuto, “foram realizados mais de 30 milhões de contactos entre potenciais interessados (...) e vendedores”, representando “um crescimento de 25% face ao ano anterior”.

Em sentido inverso, no que diz respeito aos artigos que os portugueses mais colocaram para venda são as categorias ‘Roupa’, ‘Peças de Carros’ e ‘Móveis’ que dominam. Até junho foram colocados, no total, “mais de 1,5 milhões de anúncios (...), um aumento de 15% face ao mesmo período do ano passado”.

Revela ainda o OLX que são os distritos de “Lisboa, Porto, Setúbal, Braga e Aveiro, respetivamente, os que “têm uma maior oferta de anúncios e registam, ao mesmo tempo, uma maior procura e interesse por artigos, totalizando mais contactos entre potenciais compradores e vendedores”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório