Meteorologia

  • 12 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 16º

Edição

Irão garante que não há alteração da produção e exportação de petróleo

O ministro do Petróleo do Irão, Biyan Zangané, assegurou hoje que "não houve alterações significativas" na produção e exportação de petróleo no país, apesar das ameaças dos EUA de travar as vendas do crude iraniano.

Irão garante que não há alteração da produção e exportação de petróleo
Notícias ao Minuto

16:00 - 08/07/18 por Lusa

Economia Ministro

O responsável, citado pela televisão estatal, explicou que o Irão já tinha desenhado um plano para contrariar as ameaças do Presidente dos EUA, Donald Trump, e que está a funcionar "com êxito".

"Há uma guerra comercial, [...] nós manteremos os nossos planos", sublinhou o ministro, referindo que o país exportou no mês passado 2,8 milhões de barris de crude e gás condensado por dia.

Na semana passada, o Governo iraniano anunciou que venderá o seu petróleo através da bolsa de valores local, onde o setor privado o poderá comprar "de forma transparente" para depois ser exportado.

Em maio, o Presidente dos EUA, Donald Trump, abandonou um acordo que suspendia as sanções sobre o Irão em troca de contenções no seu programa nuclear e recomendou aos países que parem de comprar petróleo iraniano a partir de 04 de novembro ou terão de enfrentar medidas financeiras.

O ministro do Petróleo considerou ainda que os princípios da Organização de Países Exportadores de Petróleo (OPEP), da qual tanto a Arábia Saudita como o Irão são membros fundadores, são claros e referem que a procura deve determinar o preço do petróleo.

"As medidas políticas causam preocupação e fazem subir os preços, nomeadamente a ordem de Trump a alguns membros da OPEP", disse o ministro iraniano.

As vendas de petróleo são um dos principais requisitos do Irão para permanecer no acordo nuclear de 2015, depois da retirada em maio passado dos EUA.

Na sexta-feira, as cinco potências mundiais que permanecem no acordo -- Rússia, China, Reino Unido, França e Alemanha -- comprometeram-se a encontrar vias para manter os benefícios que o Irão espera do acordo, incluindo as exportações de petróleo e gás.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório