Meteorologia

  • 16 JULHO 2024
Tempo
23º
MIN 17º MÁX 26º

"Bayern Munique não acredita no que o Fulham está a fazer com Palhinha"

Bávaros recusam chegar aos 55 milhões de euros pelo internacional português.

"Bayern Munique não acredita no que o Fulham está a fazer com Palhinha"
Notícias ao Minuto

14:26 - 25/06/24 por Notícias ao Minuto

Desporto Mercado de Transferências

O Bayern Munique estará a começar a perder a paciência com o Fulham, na sequência das negociações tendo em vista a aquisição de João Palhinha, que se têm vindo a arrastar ao longo das últimas largas semanas.

Em declarações prestadas, esta terça-feira, na estação televisiva britânica Sky Sports, o jornalista alemão Florian Plettenberg fez o ponto de situação desta 'novela', e atirou: "Tem sido, novamente, uma negociação muito dura com o Fulham. Não conseguimos acreditar no que o Fulham está a fazer, aqui, na Alemanha".

"João Palhinha ainda é o plano A para o Bayern Munique, mas eles colocaram limites claros. Nada mudou quanto a isso. Max Eberl lidera as negociações. Neste momento, sabemos que ofereceram 45 milhões de euros, com bónus incluídos", começou por afirmar.

"Palhinha pode assinar contrato até 2028, mas, agora, está com a seleção portuguesa, no Euro'2024. O grande desejo dele é assinar pelo Bayern Munique. Ele quer um acordo entre ambos os clubes. O Bayern Munique não chegará aos 55 milhões de euros", prosseguiu.

"Isso é demasiado. Há margem para aumentar, talvez, em dois ou três milhões de euros, com bónus incluídos. Mas, se o Fulham se mantiver firme e disser que quer 60 milhões de euros, então, estou completamente convicto de que o acordo cairá", completou.

Leia Também: Palhinha não é o único. Manchester United tem outro ex-Sporting em vista

Recomendados para si

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório