Meteorologia

  • 25 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 15º

Edição

Maxi Rodríguez termina a carreira: "Já não tenho mais nada para dar"

Internacional argentino 'pendura as chuteiras' aos 40 anos, após passagens por clubes como Liverpool ou Atlético de Madrid.

Maxi Rodríguez recorreu, ao início da noite desta sexta-feira, às redes sociais para anunciar que tomou a decisão de colocar um ponto final na carreira de jogador de futebol profissional, a pouco mais de um ano de festejar o 41.º aniversário.

"Chegou o momento que nunca pensei que iria chegar. Como jogadores, não queremos que chegue. Chegou o momento de renunciar à carreira como profissional", começou por afirmar o internacional argentino.

"É uma decisão muito difícil de tomar, mas, ao mesmo tempo, estou muito tranquilo. Foram muitos anos de carreira e dediquei-me ao máximo, esvaziei-me por completo. Já não tenho mais nada para dar", completou o agora ex-avançado.

Natural de Rosario, Maxi Rodríguez passou pelo futebol europeu entre 2002 e 2012, onde representou Espanyol, Atlético de Madrid e Liverpool. Nos três últimos anos, dedicou-se a defender as cores do Newell's Old Boys, clube onde completou formação.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório