Meteorologia

  • 24 OUTUBRO 2017
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 15º

Edição

Exposição 'A partir do Surrealismo' presta homenagem à arte portuguesa

A exposição "A partir do Surrealismo na Coleção Milllennium bcp", com obras de artistas como Cruzeiro Seixas e Mário Cesariny, inaugura hoje, em Lisboa, como homenagem à arte portuguesa contemporânea, segundo a organização.

Exposição 'A partir do Surrealismo' presta homenagem à arte portuguesa
Notícias ao Minuto

18:12 - 25/09/17 por Lusa

Cultura Lisboa

De acordo com um comunicado da Fundação Milllennium bcp, detentora da coleção, a exposição tem inauguração oficial na galeria situada na Baixa de Lisboa, onde também irá abrir a mostra '(Land)scaping Normative Thinking', do pintor Rui Macedo.

Na exposição que parte do Surrealismo, com projeto expositivo com curadoria de Raquel Henriques da Silva, também estarão obras de António Dacosta, Carlos Calvet, Marcelino Vespeira, Eduardo Luiz, Paula Rego e Graça Morais.

A seleção dos artistas foi feita com base na partilha do "gosto pela pintura figurativa contadora de histórias, sugeridas pelos títulos, e pelo modo imaginoso como as formas (nem sempre identificáveis) usam a cor e a composição para perturbar o entendimento comum das coisas", segundo um texto da curadora.

Destes artistas, só alguns - Cruzeiro, Cesariny, Calvet, Dacosta - pertenceram aos movimentos surrealistas do meio do século XX, "mas todos pintam a realidade como se ela tivesse a natureza dos sonhos: confusa, disparatada, surpreendente".

A par da exposição histórica, surge a intervenção artística do pintor Rui Macedo, criador convidado, que tem vindo a trabalhar em espaços de museus em diálogo com as memórias da pintura.

Nascido em Évora, em 1975, Rui Macedo vive e trabalha em Lisboa.

As duas exposições vão ficar patentes até 06 de janeiro com entrada livre.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório