Meteorologia

  • 09 AGOSTO 2022
Tempo
29º
MIN 17º MÁX 30º

Cristina Planas Leitão é 1.º nome da nova codireção do Teatro do Porto

A Câmara do Porto vai lançar em julho um concurso público internacional para a codireção do Teatro Municipal, que, com a saída de Tiago Guedes, será codirigido por Cristina Planas Leitão.

Cristina Planas Leitão é 1.º nome da nova codireção do Teatro do Porto
Notícias ao Minuto

14:04 - 28/06/22 por Lusa

Cultura Palco

Em declarações aos jornalistas, à margem da apresentação da temporada 2022/2023 do Teatro Municipal do Porto (TMP), o presidente da câmara, Rui Moreira, afirmou hoje que para a direção do Departamento de Artes Performativas da empresa municipal Ágora foram pensados dois modelos: um assente na continuidade do atual projeto e equipa, e outro assente num convite externo.

A direção do Departamento de Artes Performativas da Ágora ocupa, por inerência, a direção do TMP, do festival Dias Da Dança (DDD) e do Campus Paulo Cunha e Silva.

"Acho que nesta matéria, é bom ter a possibilidade de convidar alguém, que possa ser da cidade ou de fora, mas que haja um júri internacional que possa avaliar candidaturas", disse, acrescentando que uma "solução de rutura" com as atuais equipas seria "incompreensível".

Destacando que este não é um modelo único e que muitos teatros já trabalham em codireção, o autarca esclareceu que o concurso público internacional para a codireção do Departamento de Artes Performativas da Ágora será lançado no mês de julho e que, neste momento, estão a ultimar os convites para a composição dos cinco elementos do júri, também internacional.

"Este teatro já tem uma tal maturidade que hoje já seremos provavelmente capazes de atrair nomes interessantes", disse.

Depois de várias conversas, que envolveram o atual diretor, Tiago Guedes, o autarca afirmou que a coreógrafa, intérprete e professora Cristina Planas Leitão assumirá a codireção do Departamento de Artes Performativas do TMP, onde atualmente desempenha funções de assistente de programação.

Rui Moreira disse esperar que em setembro possa ser anunciada a lista de finalistas do concurso, que as entrevistas possam arrancar em outubro e que "o mais tardar" até 01 de janeiro de 2023, possa assumir funções.

Tiago Guedes, que estava à frente do TMP desde 2014, sucede a Dominique Hervieu como diretor de La Maison de la Danse de Lyon e como codiretor da Biennale de La Danse.

Durante o seu mandato à frente do TMP, Tiago Guedes fundou o DDD, em 2016, e o Centro de Residências e Criação Artística Campus Paulo Cunha e Silva, que inaugurou em junho de 2021.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório