Meteorologia

  • 21 JULHO 2017
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 17º

Edição

"Apelo para que não se politize tragédia foi quebrado ao mais alto nível"

Critica de Carlos Abreu Amorim é dirigida ao ministro da Agricultura, Capoulas Santos.

"Apelo para que não se politize tragédia foi quebrado ao mais alto nível"
Notícias ao Minuto

11:39 - 20/06/17 por Goreti Pera

Política Abreu Amorim

O deputado do PSD acusa o ministro da Agricultura de ter quebrado os apelos para que não se politize a tragédia de Pedrógão Grande.

“O personagem que ocupa a pasta da Agricultura foi à SIC Notícias culpar outros governos pela tragédia. Que fique o registo para memória futura: os apelos para que ninguém politize esta tragédia foi quebrado ao mais alto nível”, escreveu o social-democrata na rede social Facebook.

Carlos Abreu Amorim destaca ainda a convicção de se tratar da “figura que esteve mais tempo nesse cargo e com a responsabilidade das florestas na democracia portuguesa”.

Capoulas Santos deu, esta segunda-feira, uma entrevista àquela estação de televisão, na qual garantiu estar “de consciência tranquila” e ressalvou que “ordenar a floresta em Portugal é trabalho para mais do que uma geração e para vários governos”.

Recordado das funções exercidas nesta mesma pasta nos governos de António Guterres, José Sócrates e António Costa, o governante recusou a ideia de ser “o rosto mais visível deste fracasso”.

Campo obrigatório