Meteorologia

  • 05 MARçO 2024
Tempo
MIN 8º MÁX 16º

PSD/CDS-PP vence no Funchal e volta aos anos de vitória

A coligação PSD/CDS-PP conseguiu no domingo a maioria dos votos no concelho do Funchal (40,16%), repetindo a vitória que os sociais-democratas conquistaram entre 1976 e 2015 e quebrada em 2019 pelo PS, segundo dados oficiais provisórios.

PSD/CDS-PP vence no Funchal e volta aos anos de vitória
Notícias ao Minuto

00:08 - 25/09/23 por Lusa

Política Eleições na Madeira

De acordo com informação disponibilizada pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna, os resultados das eleições legislativas regionais da Madeira indicam que a coligação PSD/CDS-PP ganhou no Funchal, voltando a colocar o PS em segundo lugar, com 23,13%, seguindo-se Chega (9,53%) e JPP (8,31%).

Nas eleições de 2019, o PS venceu pela primeira vez no concelho do Funchal, com 30,65%, derrotando o PSD, que teve 28,73%, a que se seguiu JPP (26,30%) e CDS-PP (3,21%).

Desde as primeiras eleições legislativas na Região Autónoma da Madeira, em 1976, o PSD ocupou sempre o primeiro lugar em todos os 11 concelhos madeirenses, ciclo que foi interrompido em 2019, com a vitória do PS em quatro municípios, designadamente Funchal, Machico, Porto Santo e Santa Cruz.

Nas eleições regionais deste ano, que decorreram no domingo, o PSD, em coligação com o CDS-PP, voltou a recuperar o histórico de vitórias em todos os concelhos.

PSD/CDS-PP conseguiu também a vitória na freguesia de São Martinho, no Funchal, de onde é natural o líder do PSD/Madeira, Miguel Albuquerque, arrecadando 41,31% dos votos e derrotando o PS, que agora teve 22,54%, mas em 2019 saiu vitorioso com 38,67% contra 37,80% do PSD.

Nestas eleições regionais, PSD/CDS-PP reconquistou também a vitória no concelho de Machico, com 39,83% dos votos contra 32,94% do PS, partido que em 2019 ganhou com 48,08% contra 34,54% do PSD.

Também no Porto Santo, onde o PS venceu pela primeira vez em 2019, com 50,75%, o PSD/CDS-PP voltou a vencer, com 51,51%, enquanto os socialistas tiveram 24,69%.

Em Santa Cruz, a coligação PSD/CDS-PP venceu com 32,76% dos votos, derrotando o PS que ganhou em 2019 (com 30,65%) e que agora desceu para terceira força política (15,16%), com a subida do JPP (27,82%).

Mais de 253 mil eleitores foram no domingo chamados a votar nas legislativas regionais da Madeira para escolher a nova composição do parlamento do arquipélago, com 13 candidaturas na corrida.

Apresentaram-se a votos PTP, JPP, BE, PS, Chega, RIR, MPT, ADN, PSD/CDS-PP (coligação Somos Madeira), PAN, Livre, CDU (PCP/PEV) e IL. A coligação PSD/CDS-PP venceu as eleições, mas falhou a maioria absoluta, segundo os dados oficiais provisórios.

Segundo dados oficiais provisórios, após apuradas todas as freguesias, a coligação PSD/CDS-PP venceu as eleições legislativas regionais da Madeira, mas falhou por um deputado a maioria absoluta.

De acordo com informação disponibilizada pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna, os sociais-democratas e os centristas obtiveram 43,13% dos votos e 23 lugares no parlamento regional, constituído por um total de 47 deputados.

Há quatro anos, o PSD elegeu 21 deputados, perdendo pela primeira vez a maioria absoluta que detinha desde 1976, e formou um governo de coligação com o CDS-PP (três deputados).

Leia Também: PSD/CDS-PP vence nos 11 concelhos e consegue maioria absoluta em seis

Recomendados para si

;
Campo obrigatório