Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2020
Tempo
13º
MIN 7º MÁX 13º

Edição

"O que podemos fazer a seguir é atirar o Governo pela janela"

Em declarações à Rádio Renascença, Morais Sarmento não se poupou em críticas ao Governo de Pedro Passos Coelho. Para o social-democrata, o mais recente chumbo do Tribunal Constitucional (TC) pode ter um elevado custo para o Executivo, principalmente se a alternativa à decisão passar por um novo aumento de impostos. A alternativa, defende o antigo ministro, é levar com os “impostos em cima” e “a seguir, atirar o Governo pela janela”.

"O que podemos fazer a seguir é atirar o Governo pela janela"

“Acho que este Governo deve começar a pensar que, para o próximo ano, é capaz de ter outra ocupação que não a de ocupar o Governo de Portugal, porque chega a uma altura em que não se aguenta e eu sou apoiante do Governo”.

Foi com estas palavras que Morais Sarmento teceu duras críticas ao Executivo de Passos Coelho. Em declarações ao programa ‘Falar Claro’, da Rádio Renascença, o social-democrata mostrou-se receoso com a possibilidade de o Governo enveredar por mais um aumento de impostos de forma a contornar o buraco causado pela mais recente nega do Tribunal Constitucional (TC).

“Antes do Orçamento, levamos com aumentos de impostos; vem uma segunda decisão do Tribunal Constitucional, e levamos com [novo] aumento de impostos; e vem o Orçamento e com aumento de impostos levamos”, disse o jurista.

“Que remédio temos nós se nos puserem impostos em cima, nós cumprimos a lei, somos defensores de um Estado de Direito. O que podemos fazer a seguir é atirar o Governo pela janela, mas cumprimos”, frisa Morais Sarmento depois de ironizar com a má interpretação, na altura, das palavras de Fernando Ulrich: “aguenta, aguenta”.

Para o antigo ministro, se o Governo já sabe que os juízes do Palácio Ratton têm “aquela leitura, é bom contar com ela nas decisões que toma” e não pode depois apresentar-se “espantado”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório