Meteorologia

  • 04 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

Ex-espiões são 'agentes' de empresa de lóbi

Uma empresa privada de consultoria, cuja especialidade passa pelo lóbi político, contratou dois antigos espiões dos serviços de informações. A notícia é avançada este sábado pelo Diário de Notícias.

Ex-espiões são 'agentes' de empresa de lóbi

Paulo Almeida e Pedro Esteves, dois antigos espiões do Serviço de Informações Estratégicas de Defesa (SIED), estão agora a trabalhar na Omniconsul, uma empresa de lóbi político acreditada junto da União Europeia.

Segundo o Diário de Notícias, a primeira aquisição da Omniconsul foi Paulo Almeida. O oficial da Força Aérea trabalha na firma como consultor sénior desde 2009, um ano depois de ter abandonado os serviços secretos.

Já Pedro Esteves trabalha há apenas alguns meses na Omniconsul e foi uma recomendação de Paulo Almeida.

“Precisávamos de reforçar os especialistas em inteligência competitiva e esse nome foi-nos sugerido como tendo muita experiência”, explicou ao DN Joaquim Martins-Lampreia, presidente da Omniconsul.

Segundo a mesma fonte, estes dois profissionais “têm a técnica que é precisa” para conseguir informações sobre legislação. “Cerca de 80% das nossas leis são transposições europeias. É preciso antecipar o que está a ser ‘cozinhado’ para definirmos estratégias com os nossos clientes”, sublinhou Martins-Lampreia.

Paulo Almeida e Pedro Esteves trabalharam com Jorge Silva Carvalho, o espião mais ‘famoso’ de Portugal. Recorde-se que aquando da saída de Silva Carvalho, em 2011, muito se falou sobre a necessidade de se aplicar um período de ‘nojo’ para que os espiões não saíssem diretamente do SIED para o setor privado.

No entanto, nenhum dos ex-espiões está sujeito a qualquer limitação profissional imposta pela legislação.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório