Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2018
Tempo
24º
MIN 24º MÁX 25º

Edição

Deputados do PS 'picam' CDS: "Se a falta de honestidade pagasse bilhete"

Assunção Cristas passeou-se esta terça-feira na Linha do Oeste para denunciar o estado da ferrovia em Portugal. Deputados do PS atiram farpas ao partido que no passado "desinvestiu" e que agora "exige investimento".

Deputados do PS 'picam' CDS: "Se a falta de honestidade pagasse bilhete"
Notícias ao Minuto

22:50 - 21/08/18 por Melissa Lopes 

Política Ferrovia

O CDS ‘agarrou-se’ ao tema da ferrovia para dele fazer bandeira de campanha. Nesse sentido, o dia de terça-feira, ficou marcado pela presença de Assunção Cristas, e outros dirigentes centristas, em carruagens de comboio na Linha Oeste com o objetivo de denunciar aquilo que dizem ser o estado “caótico da ferrovia” no país.

O deputado socialista André Pinotes comentou a ‘viagem’ dos centristas comparando o CDS que fez governo com o PSD e o CDS de agora.

“Disseram-nos que não havia alternativa. Governaram em cima das nossas possibilidades. Disseram piegas de um povo valente”, começou por referir o deputado, numa publicação no Facebook, acrescentando: “Há pouco mais de 3 anos, privatizaram, desinvestiram e assinaram de cruz o empobrecimento de toda uma Nação”.

“Hoje, pendulam nos Transportes Públicos denunciando as consequência das suas próprias políticas. Se a falta de honestidade intelectual pagasse bilhete, já todo o mal que causaram estaria reparado”, atira por fim.

Quem também não deixou passar em branco a ‘voltinha’ do CDS foi Isabel Moreira. Recorrendo igualmente à sua página de Facebook, a deputada disse, com ironia, que gosta “desta direita clara”.

“Quatro anos a desinvestir e a criar uma dívida monstruosa. Hoje, passeia-se exigindo investimento (?!) e, óbvio, propondo privatizações das linhas que, imagino, deem lucro. É um desplante. Mas previsível. Esta parte é boa”, comentou.

Recorde-se que a presidente do CDS-PP anunciou esta terça-feira que o partido vai requerer a antecipação para a próxima semana da comissão permanente da Assembleia da República, para que o ministro do Planeamento preste esclarecimentos sobre a situação da ferrovia.

"Os comboios neste momento não são de fiar", declarou Assunção Cristas aos jornalistas, na estação de Coimbra B, no final de uma viagem com outros deputados e dirigentes do partido na Linha do Oeste.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório