Meteorologia

  • 27 JUNHO 2017
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Matosinhos atribui Medalha de Honra Grau Ouro a Guilherme Pinto

O ex-presidente da Câmara de Matosinhos, Guilherme Pinto, que morreu em 08 de janeiro, vai ser distinguido, a título póstumo, com a Medalha de Honra Grau Ouro, revelou hoje fonte autárquica.

Matosinhos atribui Medalha de Honra Grau Ouro a Guilherme Pinto
Notícias ao Minuto

15:11 - 21/04/17 por Lusa

País Título póstumo

A homenagem ao antigo autarca, a quem será também conferido o título de cidadão honorário, integra em Matosinhos a cerimónia oficial de comemoração do 43.º aniversário da Revolução de 25 de Abril de 1974, referiu a fonte.

Guilherme Pinto morreu a 08 de janeiro, aos 57 anos, vítima de doença, depois de 11 anos na liderança desta autarquia do distrito do Porto.

No início do janeiro, Guilherme Pinto tinha apresentado o pedido de renúncia ao mandato, devido ao seu estado de saúde, uma decisão que ia produz efeito a partir de 01 de fevereiro.

Um dia depois de renunciar ao mandato (o terceiro que cumpria), Guilherme Pinto anunciou o seu regresso formal ao PS, que deixou em 2013 para apresentar uma candidatura autárquica independente com a qual venceu as eleições desse ano.

Enquanto candidato independente, acabou por vencer por maioria absoluta as eleições de setembro de 2013, pondo fim àquele que era um bastião socialista há 37 anos.

Durante a cerimónia de 25 de abril, além da homenagem a Guilherme Pinto, a Câmara de Matosinhos vai atribuir a Medalha de Mérito Dourada ao Orfeão de Matosinhos, que este ano assinala 100 anos de existência, ao presidente da Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL), Emílio Brogueira Dias, e ao médico da seleção nacional de futebol, José Carlos Noronha.

Na cerimónia intervirá, Augusto Santos Silva, ministro dos Negócio Estrangeiros, que fará o elogio dos homenageados, salientou.

Campo obrigatório