Quercus alerta para perigo das espécies invasoras

A organização ambientalista Quercus alertou hoje para a presença de árvores invasoras, as acácias australianas, que ameaçam as espécies autóctones do Parque Nacional da Peneda-Gerês, e pede mais investimento no seu controlo e erradicação.

© DR
País Organização

"As acácias australianas, principalmente a acácia-mimosa ou mimosa (Acácia dealbata) e a acácia-de-espigas (Acacia longifolia) ocupam já milhares de hectares em Portugal e são uma séria ameaça em diversas áreas protegidas", como o Parque Nacional da Peneda-Gerês e a Reserva Natural das Dunas de S. Jacinto, refere um comunicado dos ambientalistas.

PUB

A chamada de atenção, a propósito do Dia Internacional das Florestas, que se assinala na terça-feira, realça que "o único parque nacional português está a perder a guerra contra as árvores invasoras de origem australiana" que deixam nos solos milhões de sementes por hectare e se mantêm viáveis durante décadas, prontas a germinar em qualquer altura, em especial após os incêndios.

A mimosa é uma das invasoras, ou exóticas, mais preocupantes em todo o mundo, especialmente em Portugal, salienta a Quercus, acrescentando que esta espécie ocupa mais de 1.000 hectares no Parque Nacional da Peneda-Gerês, uma área que poderá ser maior, pois não há medições atualizadas.

"Para evitar danos ainda mais sérios na biodiversidade do Parque da Peneda-Gerês, é necessária a erradicação de novos focos de invasão e, acima de tudo, o controlo ou eliminação das populações de invasoras já estabelecidas", insiste a associação de defesa do ambiente.

Assim, pede ao Estado que aumente o investimento financeiro para combater o domínio das espécies exóticas, já que, "atualmente, o investimento no controlo das invasoras lenhosas nas áreas protegidas é quase nulo".

Defende igualmente uma aposta na educação e sensibilização e a criação de instrumentos legais que impeçam a proliferação destas espécies, que produzem muito material combustível, contribuindo para os incêndios florestais.

Por outro lado, o fogo estimula a germinação das sementes desta espécie que, depois de um incêndio, "invade rapidamente as áreas ardidas", segundo os ambientalistas.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser