Meteorologia

  • 25 FEVEREIRO 2024
Tempo
15º
MIN 13º MÁX 17º

Judiciária realiza buscas a sede da PT

Elementos da Polícia Judiciária (PJ) estão a realizar buscas na sede da Portugal Telecom, em Picoas (Lisboa), ao que o site Observador apurou. Também a consultora PriceWaterhouseCoopers está a ser alvo de buscas. A investigação surge por queixas realizadas pelos acionistas da PT. Em causa estará o investimento feito na Rioforte, holding do Grupo Espírito Santo, de cerca de 897 milhões de euros em papel comercial.

Judiciária realiza buscas a sede da PT
Notícias ao Minuto

11:08 - 06/01/15 por Notícias Ao Minuto

País Investigação

A Polícia Judiciária encontra-se na sede da Portugal Telecom, em Picoas, Lisboa e também na consultora PriceWaterhouseCoopers. Em causa, avança o site Observador, estará o investimento de 897 milhões de euros em papel comercial feito pela empresa de telecomunicações na Rioforte, holding do Grupo Espírito Santo.

Ao que tudo indica, a investigação que está nas mãos do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) e da Unidade Anticorrupção da PJ, decorre devido a queixas de acionistas da PT.

Entretanto, a PT SGPS confirmou à agência Lusa que as buscas surgem devido ao caso Rioforte. "Estão a decorrer buscas no 10.º andar da PT SGPS", disse fonte oficial, acrescentando que aquele é o andar das instalações da administração da PT SGPS.

A auditoria ao investimento da PT na Rioforte foi concluída pela consultora PriceWaterhouseCoopers (PwC), mas não foi entregue à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) e, ao que tudo indica, a auditoria contém graves acusações a ex-administradores da Portugal Telecom, nomeadamente a Zeinal Bava e Henrique Granadeiro, sustentando ser improvável que desconhecessem o investimento realizado na Rioforte.

[Notícia atualizada às 11h39]

Recomendados para si

;
Campo obrigatório