Meteorologia

  • 18 JULHO 2019
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 18º

Edição

"Estão a fazer de um assassino um herói nacional"

Manuel Baltazar, o homem que matou duas mulheres e feriu outras duas em Valongo dos Azeites, continua foragido para indignação dos familiares das vítimas, avança o Diário de Notícias.

"Estão a fazer de um assassino um herói nacional"

Ainda continua a monte o homem que a 17 de abril disparou cinco tiros de caçadeira sobre a ex-sogra e uma tia, que morreram no local, e sobre a ex-mulher e a filha, que ficaram gravemente feridas, sendo que a ex-mulher ainda se encontra internada e a filha já teve alta.

“Estão a fazer de um assassino sem escrúpulos um herói nacional”, afirmou uma familiar direta de uma das vítimas ao Diário de Notícias.

Manuel Baltazar, de 61 anos, mais conhecido por ‘Palito’, tem fugido da polícia, já tendo sido avistado por habitantes de localidades vizinhas.

“As autoridades policiais não têm mostrado competência para deter o Baltazar. Com tantos meios no terreno parece impossível que, quase um mês depois, ainda continue a monte. É o nosso dinheiro que está ser gasto, não para o prenderem mas para serem por ele enxovalhados, pois os portugueses já se riem por um só homem fazer frente e centenas de polícias”, conta a habitante de São João da Pesqueira.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório