Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2021
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 24º

Edição

Covid-19: Ilha açoriana de São Miguel com oito novos casos

A ilha de São Miguel, nos Açores, registou, nas últimas 24 horas, oito novos casos de covid-19, detetados nas 692 análises realizadas nos laboratórios de referência da região, adianta hoje o comunicado da Autoridade de Saúde açoriana.

Covid-19: Ilha açoriana de São Miguel com oito novos casos

De acordo com o boletim diário daquela entidade, os novos casos na maior e mais populosa ilha açoriana foram diagnosticados "em contexto de transmissão comunitária".

Assim, no concelho da Ribeira Grande há cinco novos casos, todos em Rabo de Peixe, em Ponta Delgada há um novo caso, em São Roque, e no concelho de Vila Franca do Campo foram detetados dois novos casos, em Água de Alto.

Hoje os Açores registam, ainda, a recuperação de um doente nas Lajes, da ilha das Flores.

Estão atualmente internados seis doentes, todos no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, mantendo-se um em cuidados intensivos.

A região conta presentemente com 235 casos positivos ativos, sendo 229 em São Miguel, quatro na Terceira e dois nas Flores.

Há duas cadeias de transmissão ativas no arquipélago, uma nas Flores e outra na Terceira e extinguiram-se 201 até ao momento.

Desde o início da pandemia foram diagnosticados nos Açores 5.203 casos positivos de covid-19, tendo recuperado da doença 4.811 pessoas e falecido 31.

A Autoridade de Saúde dos Açores informa também que, "desde 31 de dezembro de 2020 e até 13 de maio, foram administradas nos Açores 91.979 doses de vacina contra a covid-19, tendo 60.703 recebido a primeira dose e 31.276 pessoas ambas as doses.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.381.042 mortos no mundo, resultantes de mais de 162,9 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 17.007 pessoas dos 842.182 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Leia Também: AO MINUTO: Britânicos vêm atrás do sol; Última jornada sem adeptos

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório