Meteorologia

  • 17 SETEMBRO 2021
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 26º

Edição

AO MINUTO: "Recuperação é compromisso do país"; Situação piora no Brasil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: "Recuperação é compromisso do país"; Situação piora no Brasil

Portugal superou esta quarta-feira os 800 mil casos de Covid-19. Os dados divulgados pela Direção-Geral da Saúde (DGS) deram conta de 1.480 novos contágios por coronavírus e 50 mortos nas últimas 24 horas. O total de óbitos é agora de 16.136. Portugal soma ainda 709 mil recuperados. Os casos ativos continuam a descer, e situam-se agora nos 75.396.

Igualmente a descer estão os internamentos, em enfermaria (2.767, o número mais baixo desde o dia de Natal), e nas unidades de cuidados intensivos.

Lá fora, destaque para a Food and Drug Administration (FDA, o regulador dos Estados Unidos, que anunciou que a vacina unidose da Johnson & Johnson tem uma eficácia de 85,9% contra as formas graves da Covid-19.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

00h15 - Suspendemos aqui o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de quinta-feira. Já sabe, consulte a informação no site da DGS e acompanhe sempre as comunicações das autoridades competentes. Caso tenha sintomas ligue para estes números:

SNS24 de Portugal Continental: 808 24 24 24

SNS24 da Madeira: 800 24 24 20

SNS24 dos Açores: 808 24 60 24

00h06 - O presidente do Brasil voltou hoje a criticar as condições da Pfizer para a venda da vacina contra a Covid-19, um dia após as autoridades de saúde brasileiras aprovarem o registo definitivo da fórmula do laboratório norte-americano.

Jair Bolsonaro mostrou o seu desconforto numa conferência de imprensa no estado amazónico do Acre, onde disse que entre as condições da Pfizer existe uma "cláusula" que isenta a empresa de "toda responsabilidade" face a "possíveis efeitos colaterais" da sua fórmula, elaborada em conjunto com a empresa alemã BioNTech.

"É uma coisa de extrema responsabilidade quem tiver que, porventura, dar a última palavra, ou seja, eu, como Presidente, ou o parlamento derrubando um possível veto ou o Supremo Tribunal Federal", disse Bolsonaro.

23h23 - A estrutura de Apoio de Retaguarda do Centro de Saúde Militar de Coimbra (EAR-CSMC) foi desativada, tendo em conta o desagravamento da situação epidemiológica Covid-19, podendo ser reativada caso seja necessário, foi hoje anunciado.

23h02 - A vacina da Pfizer é 94% eficaz contra os casos sintomáticos de Covid-19, segundo um estudo realizado em Israel e hoje publicado, confirmando dados de testes clínicos e o papel crucial das campanhas de vacinação para o fim da pandemia.

"Esta é a primeira prova validada por pares da eficácia de uma vacina em condições do mundo real", disse à France Press Ben Reis, um dos co-autores do estudo publicado hoje, no New England Journal of Medicine.

22h48 - Os parques e monumentos geridos pela Parques de Sintra tiveram uma quebra de 80% de visitantes em 2020, registando 730.483 entradas, embora nos dois primeiros meses do ano tenham ultrapassado as visitas do período homólogo de 2019.

Em comunicado hoje divulgado, a Parques de Sintra revela que estes "valores traduzem os efeitos da crise global no setor do turismo provocada pela pandemia de Covid-19".

22h44 - O Ministério da Saúde indicou esta quarta-feira que 66.588 pessoas testaram positivo para o coronavírus nas últimas 24 horas. Morreram 1.428 pessoas, o número mais elevado desde o início de janeiro.

O Brasil totaliza 10.324.463 casos confirmados e 249.957 vítimas mortais. Face aos números de óbitos diários que tem registado, o país vai superar o total de 250 mil mortos esta quinta-feira.

22h22 - A cidade brasileira do Rio de Janeiro retomará na quinta-feira a vacinação contra a Covid-19 para idosos, após ter sido suspensa na semana passada por falta de doses, informou hoje a autarquia.

20h59 - A pandemia de Covid-19 voltou a restaurar a confiança dos britânicos nos meios de comunicação tradicionais como a BBC, cujas audiências dispararam, afirmou hoje o diretor do serviço internacional BBC World Service, Jamie Angus.

"A pandemia fez as audiências voltarem aos produtores de notícias de qualidade num nível sem precedentes. Na BBC, as audiências dos noticiários de rádio e TV dispararam significativamente e o tráfego na Internet no Reino Unido e internacional bateu recordes, sobretudo durante momentos de crise", disse hoje, durante um debate organizado pelo London Press Club.

20h57 - A Madeira registou hoje 74 novos casos de Covid-19 e mais um óbito, elevando para 64 o número de mortes associadas à doença desde o início da pandemia, indicou a Direção Regional de Saúde.

20h54 - O projeto de decreto presidencial que renova o Estado de Emergência tem conteúdo idêntico ao atualmente em vigor, mas especifica agora que a eventual definição de limites ao ruído compete ao Governo através de decreto-lei.

"Podem ser determinados, por decreto-lei do Governo, níveis de ruído mais reduzidos em decibéis ou em certos períodos horários, nos edifícios habitacionais, de modo a não perturbar os trabalhadores em teletrabalho", lê-se no diploma hoje do chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, hoje enviado para a Assembleia da República.

20h41 - O primeiro-ministro considerou hoje que é fundamental "garantir um consenso" sobre o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) do Governo e pediu o envolvimento de todos os setores no processo de consulta pública deste documento.

"A recuperação é um compromisso do país, e todos temos uma participação neste desígnio. É fundamental garantir um consenso sobre o documento que entregaremos em Bruxelas, e é essencial o envolvimento de todos no processo de Consulta Pública a decorrer", frisa António Costa.

20h39 - O secretário de Estado Coordenador da Situação de Calamidade na Região Norte, Eduardo Pinheiro manifestou-se hoje confiante de que a região acompanhará o resto do país a atingir a imunidade de grupo contra a Covid-19.

"Estamos sempre a falar de previsões, é um trabalho de perspetiva. Portanto, só depois teremos essa garantia, mas não vejo razão para ser diferente", disse Eduardo Pinheiro, no final da visita ao centro de vacinação instalado no Pavilhão Multiusos de Gondomar.

20h24 - O chefe do Governo da Madeira deu hoje parecer favorável à renovação do Estado de Emergência até 16 de março, informou o gabinete de Miguel Albuquerque.

20h02 - O Presidente da República pede ao Governo, no texto introdutório do seu último diploma do Estado de Emergência, que aprove "as indispensáveis medidas de apoio" às famílias e empresas, incluindo moratórias e apoios a fundo perdido.

19h46 - A CGTP fez hoje um balanço das medidas adotadas pelo Governo desde o início do surto de Covid-19 em Portugal, há quase um ano, defendendo que "é urgente outro rumo para o país" onde os trabalhadores sejam valorizados.

19h44 - O parlamento israelita autorizou hoje o Ministério da Saúde a comunicar às autoridades do país as identidades de pessoas não vacinadas contra a Covid-19, levantando preocupações sobre a privacidade dos cidadãos que recusam a vacina.

19h42 - Uma vacina experimental cubana contra a Covid-19 vai entrar na próxima semana na fase final de ensaios clínicos, que testa a sua eficácia e segurança num número alargado de voluntários, foi hoje anunciado.

A vacina em causa chama-se Soberana 02 e é uma das quatro que Cuba está a desenvolver para imunizar a sua população.

19h25 - O Presidente da República já enviou para a Assembleia da República o decreto para o 12º Estado de Emergência. No documento, e tal como se previa, não há alterações de maior, face ao último aprovado pelos deputados.

19h12 - Conselho de Ministros deu parecer favorável ao decreto do Presidente da República para a renovação do Estado de Emergência, avança a RTP 3.

18h49 - As autoridades de saúde francesas divulgaram o boletim epidemiológico desta quarta-feira, que deu conta de 31.519 novos casos positivos de Covid-19. Nas últimas 24 horas morreram mais 277 pessoas.

França perfaz agora um número acumulado de 3.661.410 infetados e 85.321 vítimas mortais. O número de recuperados subiu para 253 mil.

18h33 - O PS foi o último partido a ser ouvido por Marcelo Rebelo de Sousa no âmbito da renovação do Estado de Emergência. No final do encontro, José Luís Carneiro sublinhou que é preciso "evitar que as pressões conduzam a precipitações".

"O Governo está a preparar com as autoridades de saúde o plano de desconfinamento, observando os indicadores e verificando se se consolidam", acrescentou o secretário-geral adjunto do PS.

18h20 - Cento e vinte e cinco testes rápidos foram hoje feitos a deputados, funcionários e jornalistas que acompanham os plenários da Assembleia da Madeira, depois de um funcionário ter testado positivo para a Covid-19, informou o parlamento regional.

18h09 - Após ser ouvido por Marcelo Rebelo de Sousa, o presidente do PSD, Rui Rio, admitiu a possibilidade de um "desconfinamento por regiões".

Riu defendeu que "se todos estes indicadores não evoluírem de forma tão positiva como nos últimos dias, então, penso que o país deverá também ter um planeamento de desconfinamento por regiões", por distrito ou por concelho.

18h00 - Portugal espera voltar a receber visitas no âmbito da presidência do Conselho da União Europeia (UE) a partir da Páscoa, se a pandemia de Covid-19 assim o permitir, disse hoje a representante da Comissão Europeia no país.

17h57 - A coordenadora do BE defendeu hoje que o Governo não se deve conformar com a escassez de vacinas "em nome dos lucros das farmacêuticas" e deve, se necessário, negociar com mais laboratórios.

"Nós achamos que Portugal tem obrigações particulares e não deve de alguma forma conformar-se com a escassez de vacinas que a indústria farmacêutica quer impor ao mundo como forma de alargar os seus lucros. Não tem nenhum sentido", apelou Catarina Martins

17h55 - Uma empresa industrial de Vila Nova de Famalicão lançou no mercado os primeiros óculos de proteção individual de marca portuguesa, um nicho de negócio que surgiu "à boleia" da pandemia de Covid-19, foi hoje anunciado.

17h34 - O Ministério da Saúde espanhol referiu esta terça-feira que foram detetados 9.212 novos casos de contaminação por coronavírus. Pelo segundo dia consecutivo, Espanha registou menos de 10 mil casos diários.Foram reportadas mais 389 mortes desde ontem.

Espanha totaliza 3.170.644 casos confirmados e 68.468 vítima mortais.

17h26 - A proteção civil italiana revelou esta terça-feira que foram identificados 16.424 novas infeções por coronavírus e morreram mais 318 pessoas em 24 horas. No total, Itália soma nesta altura 2.848.564 casos de contágio e 96.666 mortes. O total de recuperados ascende a 2.362.465.

16h57 - Após o seu encontro com Marcelo Rebelo de Sousa, a coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, fez críticas ao Governo.

A líder do BE apontou que a situação "merece ainda toda a preocupação e todas as cautelas". Tendo em conta a evolução do número de infetados, "o que sabemos hoje é que o povo português cumpriu na sua obrigação de controlar a pandemia", mas, "infelizmente, o Governo não cumpriu".

"Não cumpriu porque os apoios sociais e apoios à economia tardam a chegar e este tem sido um confinamento muito pesado, não cumpriu porque não temos ainda um plano de desconfinamento", frisou Catarina Martins.

16h54 - A crise económica provocada pela pandemia está a deixar para trás muitas economias e agrava a situação dos mais pobres, afirmou hoje a diretora-geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), apontando o acesso "desigual" às vacinas.

"Estimamos que, no final de 2022, o rendimento acumulado per capita será 13% menor do que indicavam as projeções feitas antes da crise nas economias avançadas, em comparação com 18% para os países de baixos rendimentos e 22% para os países emergentes e em desenvolvimento, excluindo a China", sublinhou Kristalina Georgieva numa nota publicada no blogue do FMI.

16h52 - O número de internamentos de doentes com Covid-19 nos hospitais da região Centro continua a baixar em bom ritmo, de acordo com o boletim diário da Administração Regional de Saúde do Centro (ARSC).

16h51 - O governo espanhol anunciou hoje que vai aprovar nas próximas semanas uma ajuda direta de 11.000 milhões de euros às empresas e trabalhadores autónomos de setores particularmente afetados pela crise económica provocada pela pandemia de Covid-19.

16h20 - O Departamento de Saúde e de Assistência Social britânico anunciou que foram diagnosticados 9.938 contágios por coronavírus e morreram mais 442 pessoas no espaço de 24 horas. Em termos acumulados, o Reino Unido contabiliza agora 4.144.577 casos de infeção e 121.747 óbitos.

16h15 - A Assembleia da República esclareceu hoje, em comunicado, que não está prevista a constituição de um grupo de trabalho para a vacinação contra a Covid-19, que seria presidido pela deputada socialista Edite Estrela.

15h56 - O Sindicato Independente de Todos os Enfermeiros Unidos (SITEU) iniciou hoje, em Vila Nova de Gaia, um périplo por vários hospitais para "denunciar condições de precariedade", reclamando a integração de quem foi contratado ao abrigo da pandemia.

15h55 - A vacinação contra a Covid-19 arrancou hoje em 11 sedes de concelho do distrito de Beja, estando disponíveis, para já, um total de 3.546 doses de vacinas, revelou a Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo.

15h39 - Presidente Marcelo saúda "vacinas para todos" através da iniciativa Covax. O chefe de Estado elogia a cooperação internacional para que haja "vacinas para todos" contra a Covid-19, congratulando-se com a entrega do primeiro lote ao Gana através da iniciativa Covax.

15h30 - O diretor do Serviço de Patologia do Centro Hospitalar do Médio Tejo (CHMT) defendeu hoje uma atualização do plano de testagem à Covid-19 que inclua a identificação das novas variantes, salientado que essa é "uma questão extremamente relevante".

Segundo Carlos Cortes, "não é a mesma coisa um doente ter uma variante do Reino Unido ou ter uma estirpe selvagem do vírus SARS-CoV-2", já que "são coisas completamente diferentes e que levam a um cuidado epidemiológico diferente e a uma abordagem clínica igualmente diferente".

Leia Também: AO MINUTO: 50 óbitos? Só em novembro, N.º de internados mais baixo do ano

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório