Meteorologia

  • 17 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 17º MÁX 23º

Edição

Profissional de Saúde? Fique com 5 sugestões para a sua saúde psicológica

A pandemia da Covid-19 está a exigir muito de todos nós. Contudo, o stress a que estão sujeitos os profissionais de saúde levou a que a DGS e a Ordem dos Psicólogos escrevessem cinco recomendações para estes.

Profissional de Saúde? Fique com 5 sugestões para a sua saúde psicológica

A pandemia da Covid-19 está a exigir muito de todos nós. Mas, se nos é pedido que fiquemos em casa, protegidos, os profissionais de Saúde que todos os dias vão trabalhar para salvar os pacientes e a quem nesta altura é exigido ainda mais, necessitam de uma ajuda 'suplementar'.

Foi neste âmbito que a Direção-Geral da Saúde (DGS) e a Ordem dos Psicólogos (OP) se uniram para criar um top de cinco sugestões para estes profissionais conseguirem manter uma boa saúde psicológica, autocuidado e bem-estar durante esta fase.

Primeiro, é lembrado que "nesta situação, é natural sentir medo, stresse, frustração, culpa, exaustão ou incapacidade". E é dada uma estatística: "Neste momento, três em cada quatro profissionais de Saúde reporta níveis médios ou elevados de exaustão emocional e burnout".

Já o ponto dois chama a atenção para a necessidade de tratar de si antes de tratar dos outros. "Cuidar de si é essencial à manutenção da sua capacidade de cuidar dos outros", uma vez que "reduz o risco de erro e a carga dos colegas". E respeite, "tanto quanto possível, os momentos de pausa e sono".

"Cuidar do seu bem-estar e Saúde Psicológica é tão importante como proteger a sua saúde física". Esta é a terceira recomendação que aponta ainda para a necessidade de reservar tempo para si "sem culpa". A DGS e a Ordem dos Psicólogos sugerem que "escolha atividades que lhe dêem prazer e sejam tranquilizantes para si".

Em quarto lugar, não se esqueça: "Mantenha contacto com colegas, familiares e amigos". Deve "aumentar a sua conexão com outras pessoas importantes para si" e "expressar os seus afetos e o que sente". "Partilhe as suas preocupações, medos e experiências com colegas e promova a cooperação e apoio mútuo", é descrito.

Por fim, mas não menos importante, deve pedir ajuda "sem vergonha, sempre que se sentir preocupado, sobrecarregado ou esgotado". Esteja atento a sintomas como a "irritabilidade, hipervigilância, imagens e pensamentos intrusivos, insónia ou tristeza significativa e prolongada".

A Linha de Aconselhamento Psicológico SNS24 também dispõe de aconselhamento específico para profissionais de Saúde. Caso necessite, contacte 808 24 24 24.

Leia Também: Isolamento com saúde psicológica? Há dez sugestões que deve seguir

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório