Meteorologia

  • 27 FEVEREIRO 2021
Tempo
15º
MIN 12º MÁX 19º

Edição

IGAS iniciou inspeção para verificar cumprimento do processo de vacinação

A Inspeção-Geral das Atividades em Saúde (IGAS) anunciou hoje que vai verificar o cumprimento das normas e orientações aplicáveis ao processo de administração da vacina contra a covid-19.

IGAS iniciou inspeção para verificar cumprimento do processo de vacinação
Notícias ao Minuto

16:09 - 29/01/21 por Lusa

País Covid-19

"Esta inspeção vai abranger, nesta fase, as cinco administrações regionais de saúde, I.P., os hospitais, os centros hospitalares e as unidades locais de saúde do Serviço Nacional de Saúde, bem como algumas entidades que integram os serviços centrais do Ministério da Saúde", adianta a IGAS numa nota de imprensa publicada no seu `site´.

Segundo a IGAS, a inspeção assenta em três vertentes: critérios de seleção das pessoas a vacinar dentro dos grupos prioritários, procedimentos de gestão das doses excedentes e medidas preventivas do desperdício.

"Semanalmente será produzido um relatório destinado às entidades gestoras do processo de vacinação com a indicação das falhas e fragilidades identificadas e as recomendações para corrigir as mesmas", sublinha a inspeção-geral.

O coordenador da 'taskforce' para o plano de vacinação, Francisco Ramos, anunciou na quinta-feira que a IGAS iria passar a controlar o processo de vacinação contra a covid-19 através de auditorias.

Numa apresentação de uma atualização ao plano de vacinação, Francisco Ramos lamentou o "desvio de critérios" que terá levado à administração de vacinas a pessoas não incluídas nos grupos prioritários para esta primeira fase, mas desvalorizou a ausência de uma entidade a supervisionar o processo desde o seu arranque.

"Este é um plano que é uma gigantesca operação e começou há um mês, não começou há um ano. Suponho que são casos esporádicos, mas são perturbadores, por isso, começa este processo de auditoria", resumiu na altura.

A pandemia de covid-19 já provocou pelo menos 2.191.865 mortos resultantes de mais de 101 milhões de casos de infeção em todo o mundo, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 11.886 pessoas dos 698.583 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Leia Também: AO MINUTO: Doentes transferidos para a Madeira. EMA aprovada 3.ª vacina

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório