Meteorologia

  • 10 DEZEMBRO 2019
Tempo
13º
MIN 7º MÁX 15º

Edição

Padrasto detido por abuso sexual em Espinho. Mãe sabia e "conformou-se"

A menor tem 14 anos e os abusos decorriam, alegadamente, desde que esta tinha seis anos.

Padrasto detido por abuso sexual em Espinho. Mãe sabia e "conformou-se"

A Polícia Judiciária deteve um homem e uma mulher pela presumível autoria dos crimes de abuso sexual de criança e de abuso sexual de menor dependente.

A ação da força de segurança foi desencadeada pela denúncia da menor de 14 anos. De acordo com o seu testemunho, esta era abusada pelo padrasto desde que tinha seis anos, na residência da família, em Espinho.

Detalha ainda a Judiciária que a mãe teria conhecimento da situação e que se terá "conformado, não afastando o agressor, nem denunciando os crimes".

Os detidos, um homem de 43 anos de idade, operário fabril, e uma mulher de 39 de idade, auxiliar de ação médica, vão ser presentes a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório