Meteorologia

  • 03 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 8º MÁX 16º

Edição

Ala pediátrica do S. João. Hospital faz balanço semanal da obra

O Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ) informa que fará comunicações da situação da construção da ala pediátrica de forma "pró-ativa e transparente". Este mês, ponto de situação será feito semanalmente, a cada sexta-feira.

Ala pediátrica do S. João. Hospital faz balanço semanal da obra

O Centro Hospitalar Universitário de São João (CHUSJ) informa esta sexta-feira que vai iniciar uma comunicação periódica sobre o ponto de situação da construção da ala pediátrica, "de forma pró-ativa e transparente", com o objetivo de promover "o esclarecimento sobre o seu desenvolvimento e permitindo o escrutínio público". 

Esta decisão acontece depois de, recentemente, terem sido levantadas dúvidas sobre se as obras tinham ou não começado. Dúvidas essas que foram levadas para terreno político nos últimos dias.  

No comunicado enviado às redações, o centro hospitalar faz saber que durante o mês novembro o balanço será feito com periodicidade semanal, todas as sextas-feiras.

Assim, o hospital informa que, na semana de 28 a 31 de outubro, foram feitos  ensaios e testes na estrutura existente; foi feita a instalação das das alimentações elétricas ao estaleiro; assim como implantação de sistemas de segurança de obra; os  levantamentos  e desvios de infraestruturas; a conclusão de estaleiro de direção de obra e fiscalização e a pré-preparação de estrutura metálica. 

Para a semana seguinte, de 4 a 8 de novembro, o plano de trabalhos contempla a conclusão de estaleiro da área de produção e área social; o estudo e preparação das sapatas para gruas; a delimitação interiores e proteções; a desmontagem de áreas técnicas provetes e ensaios de estrutura e reuniões técnicas de obra.

"Este ponto de situação", ressalva a nota, "contempla as intervenções no perímetro do hospital, excluindo todo o trabalho que está a ser desenvolvido em backoffice e em ambiente fabril". 

Paralelamente, explica-se, "encontram-se a ser desenvolvidos os processos de transferência de serviços clínicos em áreas de intervenção ou áreas contíguas à obra, de forma a permitir o seu adequado desenvolvimento, nomeadamente o serviço de Imuno-hemoterapia e a Unidade de Cuidados Intensivos e Intermédios de Pediatria (UCIP), bem como de uma área do Serviço de Urgência Pediátrica, cuja conclusão deve ocorrer durante o mês de dezembro". 

O hospital salienta ainda "a complexidade" das mudanças em curso, que correspondem a áreas de "enorme dimensão e com exigências únicas" e "o impacto fulcral" na atividade do CHUSJ e na prestação de cuidados de saúde aos utentes da região norte do país.

"Trata-se, nomeadamente, do maior banco de sangue hospitalar do país e da UCIP que dá cobertura ao grande trauma pediátrico do norte, único local de tratamento intensivo de crianças com patologia cardíaca ou com patologia oncológica sólida, bem como à Urgência Metropolitana do Porto de Pediatria, que inclui o único ponto de acesso de Cirurgia Pediátrica em contexto de urgência", pode ler-se, por fim. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório