Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2019
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Edição

Presidente Marcelo desloca-se amanhã à Madeira

Depois de ontem ter adiado a sua deslocação ao arquipélago, a Presidência da República confirma que o chefe de Estado irá esta sexta-feira (dia 19) à Madeira.

Presidente Marcelo desloca-se amanhã à Madeira

O Presidente da República falou por telefone, na manhã desta quinta-feira, com o homólogo alemão Frank-Walter Steinmeyer, "que agradeceu a mensagem de condolências", assim como "a rapidez e eficácia dos serviços de emergência e hospitalares na Madeira", lê-se numa curta nota publicada no site da Presidência da República.

Na mesma nota, Belém informa que o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa "irá amanhã ao Funchal", ou seja, esta sexta-feira, dia 19. Contactada pelo Notícias ao Minuto, fonte da Presidência informou que essa deslocação acontecerá ao "fim da manhã".

Saliente-se que, poucas horas depois do acidente no Caniço com um autocarro turístico que transportava cerca de 50 cidadãos alemães, o Presidente Marcelo informou vários meios de comunicação de que estaria a preparar-se para rumar ao Funchal.

Mas devido à possibilidade de o Falcon da Força Aérea, onde o chefe de Estado iria deslocar-se ao arquipélago, ser usado para o transporte de feridos, Marcelo Rebelo de Sousa acabou por ficar em terra, justificando que a "prioridade não era a viagem do Presidente", mas sim o socorro às vítimas.

Aliás, desde logo, o Presidente manifestou "as mais sentidas condolências às famílias das vítimas mortais", desejou as "rápidas melhoras a todos os feridos", e deixou "uma palavra de apoio àqueles que têm trabalhado para enfrentar esta situação".

A caminho da Madeira está já o ministro alemão dos Negócios Estrangeiros, Heiko Maas, que vai ser recebido pelo ministro Augusto Santos Silva e pelas autoridades locais. 

Refira-se que 29 pessoas morreram na sequência do acidente. Uma das vítimas morreu já no hospital central do Funchal, onde deram entrada 28 feridos, dos quais dois portugueses. As vítimas mortais são 11 homens e 18 mulheres, todos de nacionalidade alemã.

O Governo decretou, entretanto, três dias de luto nacional em homenagem às vítimas do trágico acidente que deixou o país em choque.

Todas as notícias de Marcelo Rebelo de Sousa aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório