Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2018
Tempo
18º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

Marcelo vai ouvir taxistas na próxima segunda-feira

Presidente da República vai receber representantes dos taxistas na próxima segunda-feira, dia 24 de setembro.

Marcelo vai ouvir taxistas na próxima segunda-feira
Notícias ao Minuto

15:04 - 20/09/18 por Notícias Ao Minuto com Lusa 

País Presidente República

Marcelo Rebelo de Sousa receberá, na segunda-feira, representantes das estruturas sindicais dos taxistas, no âmbito dos protestos levados a cabo pelo setor. 

As associações que representam os taxistas, que estão pelo segundo dia consecutivo em protesto contra a entrada em vigor da lei das plataformas eletrónicas, vão ser recebidas na segunda-feira no Palácio de Belém, indicou fonte da Presidência.

Na segunda-feira, Marcelo Rebelo de Sousa estará em Nova Iorque para participar no debate da Assembleia-Geral das Nações Unidas.

Hoje, ao final da manhã, à saída de uma conferência internacional sobre oceanos, que decorre em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa voltou a ser interrogado sobre o protesto dos taxistas contra a nova lei das plataformas eletrónicas e reiterou que a questão está "nas mãos da Assembleia da República".

Por esse motivo, o Presidente da República considerou naturais protestos como os dos taxistas e dos enfermeiros, dizendo que "o que seria estranho" era que vários setores não se manifestassem a um mês da apresentação do Orçamento do Estado.

"A Presidência da República sempre recebeu e sempre receberá, nomeadamente os representantes sindicais dos taxistas. Mas, já tive ocasião de dizer que a questão está nas mãos da Assembleia da República", afirmou.

O chefe de Estado disse aguardar a posição dos partidos e do Governo, depois de ter "havido manifestação de vontade de alguns grupos parlamentares reverem, repensarem ou reajustarem a lei ou de a completarem", salientando que "a nova lei dos táxis ficou de ser completada" com a entrada em vigor da legislação sobre as plataformas eletrónicas.

Os taxistas em Lisboa, no Porto e em Faro mantém-se hoje em luta para travar a lei que regulamenta as plataformas eletrónicas de transporte de passageiros, como a Uber e a Cabify, que entra em vigor em 01 novembro.

Depois de um protesto ordeiro, na quarta-feira, que parou cerca de 1.500 carros naquelas cidades, as pretensões dos taxistas não foram atendidas pelos grupos parlamentares, pelo que as associações representativas do setor decidiram manter o protesto hoje.

Os taxistas pediram aos grupos parlamentares para que seja iniciado o procedimento de fiscalização sucessiva da constitucionalidade do diploma que regulamenta as plataformas eletrónicas, legislação promulgada pelo Presidente da República em 31 de julho.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório