Meteorologia

  • 20 ABRIL 2018
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 16º

Edição

Puigdemont na Finlândia a convite de solidários com independentistas

O ex-presidente do governo regional da Catalunha Carles Puigdemont, fugido à justiça espanhola, viaja na quinta-feira para Helsínquia, a convite de um grupo de deputados finlandeses que simpatizam com o movimento independentista catalão, indicou o deputado finlandês Mikko Kärnä.

Puigdemont na Finlândia a convite de solidários com independentistas
Notícias ao Minuto

17:52 - 19/03/18 por Lusa

Mundo Catalunha

Mikko Kärnä, deputado pela Lapónia finlandesa, explicou hoje em comunicado que Puigdemont estará na Finlândia durante dois dias, visitando o parlamento (Eduskunta) na tarde de quinta-feira, a convite do Intergrupo de Amigos da Catalunha, formado por oito deputados finlandeses de vários partidos.

Segundo Kärnä, Puigdemont também deverá dar uma conferência pública na sexta-feira na Universidade de Helsínquia, dedicada ao tema da situação política atual na Catalunha.

O antigo presidente da Generalitat (governo regional da Catalunha) tem ainda agendadas várias reuniões de caráter privado, explicou o deputado.

Kärnä disse que a visita do político catalão é a título privado e que "o Governo finlandês não tem nada a ver com ela".

"A Catalunha é uma questão fundamental para o futuro da União Europeia", disse o deputado finlandês, que defende uma "Europa das regiões" frente ao "gigantesco bloco federalista" em que a União Europeia se está a transformar.

Para Kärnä, Puigdemont vai tornar-se num "importante político europeu no futuro" e as acusações que lhe são feitas pela justiça espanhola - rebelião, sedição, peculato, prevaricação e desobediência - por ter declarado unilateralmente a independência da Catalunha são "totalmente ridículos" e "absurdos".

Puigdemont encontra-se fugido à justiça espanhola desde outubro de 2017, em Bruxelas. Desde então já viajou à Dinamarca e à Suíça.

Hoje mesmo, Puigdemont, a ex-deputada da Candidatura de Unidade Popular (CUP, extrema-esquerda radical) Anna Gabriel e o eurodeputado da Esquerda Republicana Catalã (ERC) Jordi Solé participaram num evento sobre direitos humanos na Catalunha no edifício das Nações Unidas em Genebra.

A conferência em causa tinha como título 'Regressão dos Direitos Humanos em Espanha', e decorrer em paralelo com o Conselho de Direitos Humanos da ONU (CDH), que cumpre a sua 37ª sessão ordinária.

Puigdemont chegou a Genebra no sábado e no domingo participou no Festival de Cinema e Fórum Internacional de Direitos Humanos (FFIDH). Hoje deverá reunir-se com Anna Gabriel para debater a situação na Catalunha, bloqueada devido à incapacidade de os partidos indepenentistas - em maioria no hemiciclo regional - chegarem a um acordo quanto à nomeação de um candidato a Presidente regional (que depois será votado pelos deputados).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.