Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2017
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 13º

Edição

Egito reabre passagem com Faixa de Gaza durante três dias

A passagem fronteiriça entre a Faixa de Gaza, geralmente encerrada, deverá ser reaberta pela primeira vez desde a conclusão em outubro de um acordo de reconciliação entre as duas principais formações palestinianas, indicou um responsável palestiniano.

Egito reabre passagem com Faixa de Gaza durante três dias
Notícias ao Minuto

18:09 - 17/11/17 por Lusa

Mundo Fronteira

Iyad al-Bozum, porta-voz do ministério do Interior na Faixa de Gaza, o enclave palestiniano governado pelo movimento islamita Hamas, afirmou à agência noticiosa France-Presse (AFP) que o ponto de passagem de Rafah será reaberto provisoriamente no sábado, mas apenas por três dias.

O mesmo responsável precisou que apenas os casos humanitários registados junto do ministério do Interior serão autorizados a transpor esta passagem fronteiriça, num total de cerca de 20.000 pessoas.

O ponto de passagem de Rafah, a única zona de fronteira da Faixa de Gaza em direção ao mundo exterior que não é controlada por Israel, tem estado encerrada desde há vários anos, reforçando o isolamento do enclave palestiniano.

A Faixa de Gaza está submetida a um poderoso bloqueio israelita desde 2007. Israel já desencadeou três guerras contra o Hamas, que desde essa data governa na Faixa de Gaza.

Devido ao acordo de reconciliação, o Hamas deverá restituir o poder na Faixa de Gaza à Autoridade palestiniana, dominada pela fação Fatah laica e moderada, até 01 de dezembro.

Em 01 de novembro, a Autoridade palestiniana retomou o controlo, do lado palestiniano, dos postos fronteiriços com Israel e o Egito.

Este acordo, patrocinado pelo Egito, deverá implicar uma abertura mais regular da fronteira, que o Cairo tem mantido praticamente encerrada nos últimos anos.

Apesar do acordo, ainda não foram sanadas todas as divergências entre palestinianos, em particular a questão do controlo da segurança na Faixa de Gaza.

No âmbito das conversações, o chefe dos serviços de segurança da Autoridade palestiniana, Majed Faraj, chegou hoje a Gaza para ser reunir com Yahya Sinwar, alto responsável do Hamas.

Os problemas de segurança na península do Sinai constituem ainda um motivo de inquietação para o Egito, que no dia 21 de novembro deverá acolher uma reunião interpalestiniana para discutir as próximas etapas da reconciliação.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório