Meteorologia

  • 25 NOVEMBRO 2020
Tempo
13º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Suíça confisca objetos arqueológicos da Síria, Iémen e Líbia

A justiça do cantão suíço de Genebra ordenou a apreensão de objetos arqueológicos provenientes de Palmira (Síria), Iémen e Líbia, armazenados nos Portos francos da cidade, indicou hoje em comunicado.

Suíça confisca objetos arqueológicos da Síria, Iémen e Líbia
Notícias ao Minuto

16:34 - 02/12/16 por Lusa

Mundo Genebra

Os Portos francos são entrepostos que permitem manter todos os tipos de objetos, sem pagar direitos alfandegários, nem Imposto sobre Valor Acrescentado (IVA).

Os objetos confiscados foram entrepostos nos Postos francos entre 2009 e 2010. Durante um controlo aduaneiro, em abril de 2013, "surgiu a suspeita de proveniência ilegal", explicou o ministério público de Genebra.

As autoridades da Cultura em Berna, contactadas pelas alfândegas no início do ano passado, enviaram um perito, que confirmou a autenticidade destes bens e um procedimento penal foi aberto em fevereiro último.

Os objetos apreendidos são uma cabeça de Afrodite e dois baixos-relevos funerários, que podem ser datados de entre os séculos IV III depois de Cristo.

Três vestígios são provenientes de Palmira, que abriga as ruínas monumentais de uma cidade que foi um dos grandes centros culturais do mundo antigo. Este local sírio está inscrito na lista do Património Mundial da Organização da ONU para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).

Cinco objetos vieram do Iémen e refletem a história cultural do Sul da Península Árabe.

A cabeça de Afrodite é da Líbia e caracteriza a helenização da África do Norte, de acordo com a mesma fonte.

A maior parte dos bens foram expedidos para a Suíça a partir do Qatar, e um a partir dos Emirados Árabes Unidos. De acordo com o ministério público genebrense, o inquérito mostrou que estes bens foram obtidos em pilhagens.

Até serem devolvidos aos respetivos Estados, vão ser confiados ao Museu de Arte e História de Genebra, onde serão expostos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório