Meteorologia

  • 23 ABRIL 2024
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 24º

Apoio financeiro para a Ucrânia apenas com 10% do financiamento para 2024

O apelo humanitário da ONU para atender às necessidades da Ucrânia tem apenas 10% de financiamento para 2024, lamentou hoje a coordenadora residente do país, colocando em risco a assistência aos mais necessitados nas áreas da linha de frente.

Apoio financeiro para a Ucrânia apenas com 10% do financiamento para 2024
Notícias ao Minuto

22:03 - 21/02/24 por Lusa

Mundo Ucrânia

Denise Brown, a principal representante das Nações Unidas na Ucrânia, afirmou que cerca de 8,5 milhões de ucranianos que vivem em condições precárias perto de zonas de combate correm o risco de ficar sem ajuda humanitária básica, incluindo alimentos e água. 

O apelo anual da ONU para a Ucrânia é de 3.100 milhões de dólares (2.870 milhões de euros).

"Se não recebermos esse dinheiro, não sei de onde virá", disse Brown em declarações à agência noticiosa Associated Press (AP), salientando que, sem os fundos, não haverá possibilidade de manter o número de funcionários da ONU e que estão inteiramente dedicados ao apoio humanitário.

Enquanto o futuro da ajuda militar à Ucrânia está em suspenso, Brown está a pressionar a comunidade internacional e o setor privado para que se lembrem de que as necessidades humanitárias também são elevadas.

A economia da Ucrânia ainda está a sofrer as consequências da invasão total da Rússia há dois anos, as famílias estão separadas pela guerra e milhões de ucranianos que vivem perto das zonas da linha da frente têm pouco acesso a alimentos e não conseguem satisfazer as necessidades básicas.

"Ainda há muito para apoiar", afirmou Brown.

As entregas de ajuda das Nações Unidas às zonas da linha da frente, onde a eletricidade e a água corrente são escassas, consistem muitas vezes em fornecimentos básicos, disse Brown. 

As equipas da ONU, juntamente com organizações parceiras, fazem entregas em zonas em conflito em Kherson, Zaporijia, Donetsk e Kharkiv.

Em 2023, as entregas visavam 11 milhões de pessoas.

As necessidades incluem água e 'kits' de higiene, que incluem pasta de dentes, papel higiénico e pensos higiénicos. 

"Muitas vezes, são coisas como fraldas para adultos, porque as pessoas idosas nessas comunidades não têm mobilidade. Tão básico, mas crucial", disse Brown. 

A intensificação das batalhas dificulta o acesso da ONU ou limita os prazos de entrega. 

Áreas da linha da frente como Chasiv Yar, na região de Donetsk, por exemplo, estiveram inacessíveis durante vários meses.

"Por isso, estamos sempre à espera que os últimos abastecimentos entregues sejam suficientes para as levar às pessoas", acrescentou.

Leia Também: Embaixadores da UE chegam a acordo sobre prolongar isenções alfandegárias

Recomendados para si

;
Campo obrigatório