Meteorologia

  • 04 MARçO 2024
Tempo
12º
MIN 10º MÁX 17º

Após 73 anos, identificado soldado dos EUA morto na guerra da Coreia

Hill desapareceu em combate depois de sua unidade ter sido forçada a recuar nos arredores de Taejon, na Coreia do Sul, a 20 de julho de 1950.

Após 73 anos, identificado soldado dos EUA morto na guerra da Coreia
Notícias ao Minuto

23:37 - 21/09/23 por Notícias ao Minuto

Mundo EUA

Após 73 anos, foram identificados os restos mortais de um soldado de 18 anos da cidade de Detroit, que pertencia ao exército norte-americano e tinha sido morto na Guerra da Coreia em 1950.

A Defense POW/MIA Accounting Agency, do do Departamento de Defesa dos EUA, cuja  missão é recuperar militares norte-americanos, anunciou, esta quinta-feira, citada pela Associated Press, que Lewis W. Hill foi contabilizado a 22 de maio depois de terem identificado os seus restos mortais através de análises dentárias e antropológicas.

Hill desapareceu em combate depois de sua unidade ter sido forçada a recuar nos arredores de Taejon, na Coreia do Sul, a 20 de julho de 1950, e seu corpo nunca foi recuperado.

O exército emitiu uma declaração presumível da sua morte mais de três anos depois, a 31 de dezembro de 1953, acrescentou aquela fonte.

Depois de recuperar o controlo de Taejon no outono de 1950, o exército começou a recuperar os restos mortais e a enterrá-los temporariamente num cemitério militar das Nações Unidas. Foi feita uma primeira tentativa de identificação naquela altura, mas não foi possível encontrar provas definitivas, tendo sido encontrados apenas restos mortais já não identificáveis.

Depois disso, foram enviados para o Havaí, onde foram enterrados no Cemitério Memorial Nacional do Pacífico, em Honolulu.

A 15 de julho de 2019, a agência desenterrou os restos mortais e enviou-os para o seu laboratório para análise, onde foi agora identificado. Hill será enterrado em Imlay City, Michigan.

Leia Também: Autocarro com estudantes despista-se e cai em ravina nos EUA. Há 1 morto

Recomendados para si

;
Campo obrigatório