Meteorologia

  • 06 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 6º MÁX 18º

Gare de l'Est. "Vandalismo" encerra estação de comboios em Paris

Primeiras informações davam conta de que se tratava de um acidente. Depois, as autoridades perceberam que se teria tratado de fogo posto em cabos de sinalização elétrica.

Notícias ao Minuto

08:36 - 24/01/23 por Notícias ao Minuto com Lusa

Mundo Paris

Um ato de "vandalismo" levou ao cancelamento de todas as partidas e chegadas e ao encerramento da Gare de l'Est, em Paris, França, que se deverá manter ao longo de todo o dia desta terça-feira.

Em causa está uma avaria na sinalização da estação ferroviária. As primeiras informações davam conta de que se teria tratado de um acidente mas, posteriormente, as autoridades perceberam que ocorreu um caso de fogo posto em cabos de sinalização, o que levou a este desfecho. 

"Devido a uma avaria numa caixa de sinalização (instalações descobertas danificadas", o tráfego "de todos os comboios TGV, TER e Transilien da linha P" foi interrompido na partida e na chegada à Gare de l'Est, avançou a SNCF, citada pelo Le Parisien.

O "incêndio voluntário" ocorreu cerca das 05h00, menos uma hora em Portugal continental. À BFMTV, a empresa ferroviária afirmou que se trata de um ato doloso comprovado. 

No Twitter da 'Linha P', é esclarecido que, "na sequência de uma avaria nas instalações do gestor da rede (incêndio numa sala técnica no setor de Vaires), o tráfego é interrompido entre Paris Est e Chateau Thierry e entre Paris Est e Meaux".

O ministro dos Transportes, Clément Beaune, que numa entrevista à rádio France Info confirmou que se tratava de "um ato intencional", reconheceu que ainda não se sabe quem provocou o incêndio e lembrou que ações desse tipo ocorrem "regularmente", por exemplo, com o objetivo de roubar material.

Beaune, que expressou a sua insatisfação com a situação que afeta milhares de pessoas, insistiu que tais atos devem "ser severamente punidos".

A Gare de L´est que é um dos principais centros de comunicação da cidade, onde passam várias linhas da periferia da capital francesa e é o ponto de partida dos comboios regionais e de alta velocidade (TGV) com destino ao nordeste da França e Alemanha.

[Notícia atualizada às 09h26]

Leia Também: Alemanha e França garantem: "Vamos continuar a apoiar a Ucrânia"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório