Meteorologia

  • 07 AGOSTO 2022
Tempo
24º
MIN 16º MÁX 26º

"A invasão russa pode acabar por ser o início da Terceira Guerra Mundial"

O multimilionário húngaro considerou que a civilização “pode não sobreviver” a um conflito mundial. 

"A invasão russa pode acabar por ser o início da Terceira Guerra Mundial"

O multimilionário e filantropo húngaro George Soros alertou, esta terça-feira, que a invasão russa da Ucrânia “pode acabar por ser o início da Terceira Guerra Mundial” e que a civilização “pode não sobreviver” a um conflito mundial. 

“A Rússia invadiu a Ucrânia. Isto abalou a Europa até ao seu âmago”, começou por explicar Soros, durante um jantar no Fórum Económico Mundial, em Davos, salientando que o curso da História mudou “drasticamente” desde a última reunião.

Citado pela imprensa internacional, Soros salientou que a “União Europeia foi criada para impedir que tal coisa acontecesse” e “mesmo quando os combates pararem, como deve eventualmente acontecer, a situação nunca voltará ao ‘status quo ante’”.

“De facto, a invasão russa pode acabar por ser o início da Terceira Guerra Mundial, e a nossa civilização pode não sobreviver”, frisou.

Durante o jantar, o multimilionário explicou que existem outras questões que preocupam a humanidade, tais como pandemias, alterações climáticas e evitar uma guerra nuclear, que tiveram de ficar para trás devido à guerra. "É por isso que digo que a nossa civilização pode não sobreviver", explicou.

George Soros nasceu na Hungria, em 1930, numa família judaica e sobreviveu ao Holocausto. É conhecido por apoiar causas públicas, nomeadamente de índole liberal.

Leia Também: AO MINUTO: Hungria declara emergência; Já morreram 256 crianças na guerra

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório