Meteorologia

  • 01 JULHO 2022
Tempo
28º
MIN 15º MÁX 28º

Cinco militares russos e três mercenários acusados pela morte de autarca

Os oito acusados raptaram e torturam a autarca de Motyzhyn, o marido e o filho, numa tentativa de obter informações sobre as tropas ucranianas e as forças de defesa territorial.

Cinco militares russos e três mercenários acusados pela morte de autarca
Notícias ao Minuto

17:18 - 24/05/22 por Notícias ao Minuto

Mundo Guerra na Ucrânia

A Procuradoria-Geral da Ucrânia acusou, esta terça-feira, cinco militares russos e três mercenários do grupo militar privado Wagner pelo assassinato da autarca de Motyzhyn e de dois membros da sua família. A notícia é avançada pela CNN Internacional.

No início do mês de abril, o Ministério do Interior da Ucrânia revelou que Olga Sukhenko, de 50 anos, foi “executada” a tiro, juntamente com o marido e o filho a 24 de março. Os corpos foram encontrados, parcialmente enterrados, numa vala após o exército russo se retirar da região de Kyiv.

Segundo a investigação, os oito acusados raptaram a autarca de Motyzhyn, o marido e o filho e levaram-nos para uma base temporária, onde os torturaram numa tentativa de obter informações sobre as tropas ucranianas e as forças de defesa territorial. Depois, assassinaram-nos. 

Assinala-se, esta terça-feira, o 90.º dia da invasão russa da Ucrânia. Segundo dados oficiais de Kyiv, entre 2.500 a 3.000 soldados ucranianos e pelo menos 3.930 civis, incluindo mais de 200 crianças, morreram na sequência da guerra. 

Leia Também: AO MINUTO: Quase 4 mil civis mortos; "Milhares" de pessoas em cativeiro

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório