Meteorologia

  • 28 MAIO 2022
Tempo
19º
MIN 16º MÁX 26º

Rússia declara mais onze diplomatas como "persona non grata"

A Rússia declarou, esta sexta-feira, dez diplomatas romenos e um búlgaro "persona non grata" em resposta às medidas tomadas anteriormente por Bucareste e Sófia na sequência do massacre de civis em Bucha, na Ucrânia, atribuído às tropas russas.

Rússia declara mais onze diplomatas como "persona non grata"

"Em 13 de maio, o embaixador da Roménia na Rússia, Cristian Istrate, foi convocado ao Ministério dos Negócios Estrangeiros russo, onde lhe foi entregue uma nota sobre a declaração de 'persona non grata' de dez funcionários da Embaixada da Roménia em Moscovo", afirmou a diplomacia russa numa declaração.

No mesmo dia, foi convocado o embaixador búlgaro, Atanas Kristin, a quem também foi entregue uma nota do Ministério russo sobre a declaração de um funcionário da Embaixada da Bulgária em Moscovo como "persona non grata".

Segundo o Kremlin, ambas as expulsões foram realizadas em resposta às idênticas medidas tomadas pelos dois países em abril contra a Rússia.

Em causa estão várias "tentativas injustificadas do lado romeno de culpar infundadamente a Rússia pelos crimes cometidos na Ucrânia" e de "branquear os abusos cometidos pelos batalhões nacionalistas contra a população civil", explica o Ministério russo.

O organismo também condenou o fornecimento de armas, de equipamento militar e o apoio geral dado à Ucrânia, por parte da Roménia.

A Rússia lançou em 24 de fevereiro uma ofensiva militar na Ucrânia que já matou mais de três mil civis, segundo a ONU, que alerta para a probabilidade de o número real ser muito maior.

A ofensiva militar causou a fuga de mais de 13 milhões de pessoas, das quais mais de 5,5 milhões para fora do país, de acordo com os mais recentes dados da ONU.

A invasão russa foi condenada pela generalidade da comunidade internacional, que respondeu com o envio de armamento para a Ucrânia e o reforço de sanções económicas e políticas a Moscovo.

Leia Também: Setúbal? "Mais uma tentativa, no espírito da russofobia, de politizar"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

Campo obrigatório