Meteorologia

  • 22 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 22º

Peru recupera 109 bens culturais ilegalmente retirados do país

O Peru recuperou 109 bens culturais, entre peças arqueológicas e documentos antigos, que tinham sido ilegalmente levadas do país e estavam à venda em leiloeiras ou 'online', anunciou hoje o Ministério da Cultura peruano.

Peru recupera 109 bens culturais ilegalmente retirados do país
Notícias ao Minuto

21:12 - 22/01/22 por Lusa

Mundo Peru

Entre o material recuperado, encontram-se 88 peças arqueológicas das culturas Moche, Nazca, Vicus, Wari, Chancay, Chimú e Inca, e de estilos culturais desenvolvidos nos períodos Intermédio Inicial (entre o século I a.C. e o século VII) e Horizonte Médio (século VIII a século XII), que foram repatriadas dos Estados Unidos, Países Baixos, México, Argentina, Reino Unido e Portugal.

E também 21 bens documentais dos séculos XVI, XVII e XVIII, recuperados de Espanha e Portugal, que são ilustrativos sobre diversos aspetos da administração pública durante o período colonial no Peru.

"Começar o ano com este importante resultado incentiva-nos a continuar a defender a soberania sobre o nosso inestimável legado, um ânimo que estamos certos também existe nas entidades que uniram esforços nesta grande responsabilidade", declarou a ministra da Cultura peruana, Gisela Ortiz, após assinar a ata de entrega.

A responsável acrescentou que se trata de um trabalho conjunto entre o Ministério da Cultura e o Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE).

Por sua vez, a secretária-geral do MNE, Ana Rosa Valdivieso, salientou que, apesar do contexto de emergência na saúde, por causa da pandemia de covid-19, os dois ministérios persistiram na recuperação de bens culturais no estrangeiro, num esforço para combater o tráfico ilícito de bens culturais.

Um lote de 30 peças arqueológicas das culturas Chimú, Chancay, Moche, Wari e Vicús foi repatriado dos Países Baixos, depois de estas serem anunciadas num leilão na internet da empresa Vendu Rotterdam.

A embaixada peruana naquele país conseguiu recuperar as peças ao acionar os acordos da Comissão Nacional para a Proteção e Recuperação dos Bens Móveis Integrantes do Património Cultural da Nação.

Há ainda um outro lote de 37 bens das culturas Moche, Chancay, Chimú e Inca apreendidos na cidade norte-americana de Miami pelo Departamento de Segurança Nacional (DHS) dos Estados Unidos.

Dos itens recuperados, destacam-se três objetos das culturas Chancay e Inca, devolvidos voluntariamente pela cidadã Gerda Brigitte Alisch Stauss no México, um bem cultural de estilo Nazca, apreendido ao cidadão Jaime Conci na Argentina, e um bem cultural do estilo Chimú, que era comercializado pela Casa Veritas em Portugal.

E também um bem documental que consiste numa portaria sobre as visitas aos hospitais de San Andrés e Santa Ana datada de 1600, que estava a ser comercializada através da página da internet ebay em Portugal.

Entre o espólio documental, encontra-se igualmente um lote de 20 peças da época colonial, referentes a documentos da administração pública dos séculos XVI e XVIII, que estavam à venda através do portal da internet da leiloeira Soler Y Llach Subastas em Espanha.

Além disso, foram ainda recuperados 15 bens arqueológicos do estilo Chancay, que estavam a ser comercializados no ebay e foram entregues à embaixada peruana pelo ministério público da Argentina, bem como um bem cultural arqueológico do estilo Chancay voluntariamente devolvido pelo cidadão Jake Thornton, no Reino Unido, precisou o Ministério da Cultura peruano.

Leia Também: Governo do Peru impede que subornos sejam dedutíveis nos impostos

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório