Meteorologia

  • 22 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 22º

Balanço indica 5.278.777 mortos desde o início da pandemia

A pandemia do novo coronavírus fez pelo menos 5.278.777 mortos no mundo desde que a doença foi detetada em dezembro de 2019 na China e até às 11h00 de hoje, segundo um balanço da agência France Press.

Balanço indica 5.278.777 mortos desde o início da pandemia
Notícias ao Minuto

12:28 - 09/12/21 por Lusa

Mundo Covid-19

Mais de 267.222.780 casos de infeção foram diagnosticados no mesmo período, de acordo com a AFP.

Estes valores têm como base os balanços comunicados diariamente pelas autoridades sanitárias de cada país, mas excluem as revisões realizadas posteriormente por alguns organismos responsáveis pelas estatísticas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que, tendo em conta a mortalidade direta e indireta ligada à covid-19, o balanço da pandemia pode ser duas a três vezes superior ao que é oficialmente divulgado. 

Um número significativo de casos menos graves ou assintomáticos continua por detetar, apesar do incremento dos meios de despistagem adotados por vários países.

Na quarta-feira registaram-se em todo mundo mais 8.424 mortes e 694.746 novos casos.

Os países com o maior número de mortes nos últimos relatórios são os Estados Unidos com mais 1.745 mortos, a Rússia (1181) e a Polónia (561).

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 793.228 óbitos para 49.538.960 casos, de acordo com a contagem da Universidade Johns Hopkins.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 616.251 mortes e 22.167.781 casos, a Índia com 474.111 mortes (34.666.241 casos), o México com 295.894 mortes (3.908.534 casos) e a Rússia com 286.004 mortos (9.925.806 casos).

Entre os países mais atingidos, o Peru é o que apresenta o maior número de mortes em relação à população, com 611 mortes por 100 mil habitantes, seguido da Bulgária (420), Bósnia (392), Hungria (373), Montenegro (372), Macedónia do Norte (369) e República Checa (319).

A Europa totalizou, até quinta-feira às 11:00, 1.558.315 mortes e 87.816.051 casos, América Latina e Caraíbas 1.546.034 mortes (46.874.455 casos), Ásia 907.795 mortes (57.596.469 casos), Estados Unidos e Canadá 823.068 mortes (51.356.880 casos), África 224.322 mortes (8.846.192 casos), Médio Oriente 215.857 mortes (14.410.021 casos) e Oceânia 3.386 mortes (322.721 casos).

Este balanço foi realizado a partir de dados recolhidos pelas delegações da France-Presse junto das autoridades nacionais competentes e de informações da OMS.

Devido a correções feitas pelas autoridades ou à publicação tardia dos dados, os números do aumento em 24 horas podem não corresponder exatamente aos publicados no dia anterior.

Leia Também: AO MINUTO: Vacinação "desproporcionada"?; Alunos da Batalha testados

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório