Meteorologia

  • 17 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 15º

Edição

AO MINUTO: Portugal na 'lista vermelha' dos EUA; EMA aprova medicamento

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19.

AO MINUTO: Portugal na 'lista vermelha' dos EUA; EMA aprova medicamento

Todos dias são detetados novos casos da variante Ómicron em diversos países - hoje, por exemplo, foi o caso da Tailândia e Argentina -, estando consequentemente o número de contágios a subir a nível mundial.

O apelo à vacinação em Portugal mantém-se, tanto por parte da Direção-Geral da Saúde como por figuras de renome. O país conta já com um avanço na vacinação da dose de reforço, tendo tido ontem início a administração da 2.ª dose da vacina da Janssen para pessoas com mais de 50 anos.

A vacinação de crianças dos 5 aos 11 anos foi recomendada por vários peritos, segundo revelou o comentador Luís Marques Mendes, sendo que a Região Autónoma da Madeira apontou dia 14 para iniciar a sua administração.

Pode consultar nestes mapas interativos a evolução da pandemia de coronavírus em Portugal e no mundo

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

00h00 - Boa noite! Damos por terminado o registo de hoje. O acompanhamento será retomado na manhã de terça-feira. Até lá, mantenha-se seguro!

23h56 - Wall Street fecha em alta com declaração de Fauci sobre variante Ómicron
 
A praça nova-iorquina fechou hoje em alta, com os investidores encorajados pelas declarações do conselheiro médico da Casa Branca, Anthony Fauci, a sugerir que a variante Ómicron pode ser menos perigosa que a Delta.

23h25 - FMI adverte para o risco que as novas variantes podem ter para a economia europeia 

O Fundo Monetário Internacional (FMI) vê uma forte recuperação da economia europeia e atribui esta recuperação a duas causas: elevadas taxas de vacinação - quando comparadas com outras áreas do mundo - e apoio fiscal continuado. Contudo, a agência liderada por Kristalina Georgieva continua a ver elevados níveis de incerteza e ameaças, que aumentaram nas últimas semanas com o aparecimento da nova variante do coronavírus.

23h07 -  Bolsonaro tem 48 horas para explicar rejeição a certificado de vacinação

Um juiz brasileiro deu 48 horas para que o Governo de Jair Bolsonaro explique o motivo de não exigir o certificado de vacinação contra a covid-19 a viajantes que entrem no país por via aérea.

22h30 - Isabel Moreira infetada. "Por causa da vacina, quase não tenho sintomas"

Isabel Moreira recorreu hoje, às redes sociais, para informar que está infetada com Covid-19. A socialista faz saber que está vacinada com as duas doses da Covid-19, o que não a impediu de contrair o vírus. Contudo, a sua situação de saúde não inspira preocupação, o que a leva a tecer vários elogios ao Serviço Nacional de Saúde (SNS).

21h26 - Brasil contabiliza mais 4.385 novos casos e 108 mortos

O Brasil registou, nas últimas 24 horas, mais 4.385 casos de Covid-19 e 108 vítimas mortais da doença. Em termos acumulados, o país lusófono tem 22.147.476 infetados e 615.744 óbitos desde o início da pandemia.

21h04 - França confirma mais 11.308 casos

A França registou 11.308 novos casos de Covid-19 e 192 mortos, nas últimas 24 horas. Há, ainda, a reportar 1.424 pessoas internadas no último dia, das quais 307 estão em unidades de cuidados intensivos.

20h40 - EMA aprova medicamento para tratar casos graves da doença

A Agência Europeia do Medicamento (EMA, na sigla em inglês) aprovou hoje o medicamento RoActemra, já utilizado em doenças inflamatórias, para tratar casos graves de covid-19 em pessoas adultas.

20h05 - EUA desaconselham viagens para Portugal

O Centro de Controlo e Prevenção de Doenças (CDC) dos EUA aconselhou, esta segunda-feira, os americanos a não viajar para Portugal, citando preocupações com a Covid-19. França, Jordânia e Tanzânia são outros destinos considerados perigosos.

19h42 - Madeira regista mais duas mortes e 85 novos casos
 
A Madeira registou hoje mais duas mortes por covid-19 e 85 novos casos, indicou a Direção Regional da Saúde, referindo que o total de infeções ativas no arquipélago é de 817, com 30 doentes hospitalizados.

19h20 - Após festa de Natal, 68 profissionais da UCI de Málaga estão infetados
 
Cerca de 173 pessoas compareceram no ajuntamento organizado por profissionais de saúde no passado dia 1 de dezembro. Positivos não param de aumentar.

19h11 - Taxa de transmissão em Cabo Verde nos últimos 14 dias foi de 1,4%
 
A taxa de transmissão do novo coronavírus nos últimos 14 dias em Cabo Verde foi de 1,4%, avançou hoje o Ministério da Saúde, revelando um ligeiro aumento de novos casos e da taxa de incidência acumulada nesse período.

18h57 - Variante Ómicron aumentou 3.000% numa semana no Reino Unido
 
O número de pessoas no Reino Unido infetadas com a variante Ómicron do novo coronavírus aumentou 3.000% numa semana, de 11 para 336, tendo o ministro da Saúde britânico reconhecido hoje haver casos sem origem em viagens do estrangeiro.

18h55 - Bloco diz que o problema da pandemia não é a vacinação das crianças

A coordenadora do BE, Catarina Martins, considerou hoje que o problema da pandemia de covid-19 não é a vacinação das crianças, mas haver sítios do mundo onde não chegam vacinas, potenciando o aparecimento de novas variantes do vírus.

18h50 - Vila Nova de Gaia cancela festejos alusivos ao Natal e Ano Novo
 
A Câmara de Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto, decidiu cancelar os festejos alusivos ao Natal e Ano Novo devido à pandemia de covid-19, adiantou hoje o presidente.

18h45 - James. Dois casos de Covid-19 obrigam a adiar concertos para 2022

Os concertos da banda James que decorreriam nos próximos dias 12 e 13 de dezembro no Super Bock Arena, Porto, e Campo Pequeno, Lisboa, foram adiados para 2022 devido a dois casos de Covid-19. 

18h27 - Discotecas vão fechar quatro semanas em França

O primeiro-ministro francês anunciou que todas as discotecas vão fechar durante quatro semanas. 

18h20 - Câmara de Coimbra cancela festividades da passagem de ano
 
O presidente da Câmara de Coimbra afirmou hoje que o executivo decidiu cancelar as festividades "tradicionais" da passagem de ano, com o dinheiro a ser canalizado para os transportes municipais.

18h10 - Pepê está infetado com Covid-19
 
Pepê testou positivo à Covid-19. A informação foi dada por Sérgio Conceição nesta segunda-feira, em conferência de antevisão da partida frente ao Atlético de Madrid, a contar para a fase de grupos da Liga dos Campeões. É o primeiro jogador do plantel do FC Porto a testar positivo nesta época.

18h00 - Espanha já doou mais de 40 milhões de vacinas aos países latino-americanos e à África

17h04 - Mais de 1,6 milhões de pessoas já receberam a dose de reforço em Portugal

Nas últimas 24 horas foram administradas, em Portugal, 72.281 doses de reforço da vacina contra a Covid-19 no nosso país, segundo o relatório da vacinação da Direção-Geral da Saúde (DGS) desta segunda-feira. Assim sendo, 1.602.356 utentes já receberam a dose de reforço até hoje.

17h02 - Ramaphosa apelou à população da África do Sul para se vacinar rapidamente 

"Na última semana, o número de infeções diárias aumentou exponencialmente, cerca de um quarto de todos os testes à covid-19 foram positivos, comparativamente com as duas semanas anteriores quando a proporção de testes positivos era de cerca de 2%", escreveu Ramaphosa na sua comunicação semanal.

17h00 - Reino Unido com mais 51.459 casos e 41 mortos em 24 horas

No total, o país acumula 10.421.104 casos e 145.551 óbitos, fruto da pandemia. Desde ontem, há mais 811 internados.

16h44 - Von der Leyen quer 70% de vacinados em meados de 2022
 
A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, traçou hoje os objetivos de assegurar que 70% da população mundial seja vacinada contra a covid-19 até meados de 2022 e intensificar os esforços em África. 

Von der Leyen lembra, ainda, no Twitter, que a UE é o maior doador de vacinas no mundo. Até agora, diz, já se partilhou 350 milhões de doses que estão a ser entregues, sobretudo, aos países mais vulneráveis.

16h30 - Portugal soma hoje mais 2.216 casos e 14 mortes por Covid-19, segundo os dados divulgados pela Direção-Geral de Saúde. 

16h22 - Casa aberta suspensa após enchente em centro de vacinação da FIL
 
Milhares de pessoas deslocaram-se esta segunda-feira ao centro de vacinação provocando longas filas impossibilitando as autoridades de conseguir dar vazão aos agendamentos e casa aberta.

16h20 - A Itália somou, nas últimas 24 horas, 9.503 novos casos de Covid-19 e 92 vítimas mortais da doença.

Em termos acumulados, o país tem agora um total de 5.118.576 casos e 134.287 mortos, desde o início da pandemia.

16h01 - Vacinas para crianças chegam a Portugal em 13 de dezembro
 
As primeiras 300 mil vacinas anticovid-19 para crianças dos 5 aos 11 anos, do consórcio farmacêutico BioNTech/Pfizer, chegam a Portugal em 13 de dezembro, anunciou hoje o secretário de Estado Adjunto e da Saúde.

15h58 - Rede móvel sul-africana pode despedir funcionários sem vacina
 
A operadora de rede móvel sul-africana, MTN, anunciou hoje que os funcionários que recusarem a vacina contra a covid-19 sem razão válida serão demitidos da empresa.

15h53 - Itália traz restrições mais duras para os não vacinados - mas há dúvidas sobre como as regras serão aplicadas

De forma a combater a variante Ómicron, o governo italiano impôs acessos restritos a vários serviços para os que não pretendem ser vacinados.

15h40 - Assim como Portugal, também Austrália pretende vacinar crianças

Na Austrália as crianças com idades entre os cinco e 11 anos poderão receber a vacina contra o coronavírus já a partir de dia 10 de janeiro, após a aprovação provisória pelo regulador de medicamentos do país, avança a News Scientist. 

Uma dose de um terço da vacina Pfizer foi aprovada como segura e eficaz para essa faixa etária pela Therapeutic Goods Administration.

15h32 - Nigéria critica restrições de viagens do Reino Unido depois de ter ido colocada na lista vermelha

"O que se espera é uma abordagem global, não seletiva", disse Sarafa Tunji Isola, alta comissária da Nigéria no Reino Unido, hoje à BBC. As novas regras entraram em vigor às 4h00 (GMT), o que significa que os viajantes que chegam da Nigéria serão obrigados a fazer quarentena num hotel, pago pelos próprios, e isolar-se durante 10 dias. 

15h20 - Rússia confirma dois casos da variante Ómicron

Foi hoje anunciado pelas autoridades de saúde que também a Rússia já regista os primeiros casos da nova variante do coronavírus. De acordo com The Moscow Times, os casos foram detetados em dois cidadãos russos que regressaram recentemente da África do Sul.

15h13 - Ano vínico de 2021 no Norte foi "desafiante" devido à covid-19 e clima

O ano vínico de 2021 no Norte de Portugal foi "desafiante" devido à covid-19 e às condições climatéricas, mas os produtores que colheram as uvas antes das chuvas têm vinhos de "qualidade extraordinária", asseguram enólogos e viticultores.

15h00 - O Ministério da Saúde espanhol alerta para a dose de reforço

O governo de Espanha esclarece os que pretendem receber a dose de reforço e explica as etapas da estratégia que o país adotou para administrar as vacinas de combate à Covid-19.

14h49 - Situação "preocupante" no Algarve mas hospitais "não estão no limite"

A situação pandémica no Algarve é "preocupante", com mais de três dezenas de surtos de covid-19, a maioria em escolas, mas os hospitais "têm uma margem grande" para absorção de doentes, garantiram hoje as autoridades regionais de saúde.

"A situação epidemiológica no Algarve, aliás, como a nível nacional, é preocupante. Por um lado, porque os números são elevados e, por outro, porque a estimativa é ainda de algum crescimento, o que faz pressão sobre os serviços de saúde", declarou a delegada de Saúde do Algarve.

14h40 - Aumento da procura faz disparar preço dos autotestes

O aumento da procura pelos autotestes nos supermercados e farmácias já está a ter efeitos no preço destes produtos, numa altura em que é difícil encontrá-los nas prateleiras. Apesar de tudo, a Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) já garantiu que o abastecimento será regularizado até amanhã. 

14h33 - Transporte aéreo de passageiros recua quase 70% em Portugal em 2020

Portugal perdeu quase 70% dos passageiros em transporte aéreo em 2020, abaixo da média da União Europeia (UE 73%) e em quinto lugar da tabela dos Estados-membros menos prejudicados neste setor pela pandemia da covid-19, segundo o Eurostat.

14h25 - EUA doam dois milhões de vacinas Janssen a Moçambique

O Governo dos Estados Unidos da América (EUA) doou hoje cerca de dois milhões de doses de toma única da vacina Janssen, da Johnson & Johnson, a Moçambique, no âmbito da iniciativa Covax, foi hoje anunciado.

14h18 - Ministro da Educação quer vacinação das crianças rápida e extensa

O ministro da Educação assegurou hoje que tudo estará preparado se e quando a Direção-Geral da Saúde recomendar a vacinação das crianças a partir dos 5 anos e afirmou esperar que o processo decorra de forma rápida e extensa.
  O que desejamos é que a vacinação ocorra rapidamente e em grande extensão. É isso que eu espero que aconteça e é isso que eu tenho sentido das direções das escolas, dos professores e de quem representa os pais e os encarregados de educação

14h07 - Testes à Covid-19 gratuitos em Lisboa? Eis os locais onde os pode fazer

A Câmara Municipal de Lisboa revelou, esta segunda-feira, os locais onde vão estar, nesta semana de 6 a 11 de dezembro, os postos (gratuitos) de testagem à Covid-19 na cidade. Recorde-se que, desde 3 de dezembro, ocorrem também em horário noturno

14h00 Pandemia fez aumentar mortes por malária, mas pior cenário foi evitado

A pandemia de Covid-19 provocou um aumento do número de casos e mortes por malária no mundo, mas o pior cenário, que apontava para uma duplicação da mortalidade, não se concretizou, conclui um relatório hoje divulgado.

13h50 - Portugal é o 8.º país europeu com menos novos casos diários por milhão de habitantes
 
Portugal passou esta semana de sétimo para oitavo país da União Europeia (UE) com menos novos casos diários de contágio por SARS-CoV-2 por milhão de habitantes a sete dias, segundo o 'site' estatístico Our World in Data. Esta semana o país subiu de 286 novos casos diários para 338 por milhão de habitantes, ainda longe da média da UE, que passou de 576 para 595 novos casos diários por milhão de habitantes.

13h38 - Vacinação de crianças poderá ser "em dezembro ou início de janeiro"

António Lacerda Sales afirmou, esta segunda-feira, que a vacinação das crianças dos 5 aos 11 anos poderá avançar já em dezembro ou poderá acontecer só no início de janeiro, não se comprometendo, ainda, com uma data. O secretário de Estado Adjunto e da Saúde disse que o governo está ainda a aguardar a decisão da comissão técnica de vacinação, que espera ser "favorável".

13h30 - A OMS revelou que mais de 100 países ainda não atingiram a meta de 40% de vacinação

A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou que “mais de 100 países ainda não atingiram a meta de 40% e mais da metade deles, principalmente na África, correm o risco de perdê-la até o final do ano, principalmente porque não têm acesso às vacinas de que precisam”.

13h15 - Novo chanceler da Alemanha escolhe epidemiologista para ministro da Saúde

O futuro chanceler da Alemanha, o social-democrata Olaf Scholz, anunciou hoje o epidemiologista Karl Lauterbach como novo ministro da Saúde, a pasta que faltava preencher na distribuição de cargos do governo de coligação com Verdes e liberais.

13h03 - Açores com 17 novos casos e igual número de recuperações

Os Açores registaram nas últimas 24 horas 17 casos de covid-19 e igual número de recuperações, a par de um internamento, segundo o boletim diário da Autoridade Regional de Saúde. Do total de casos, 14 foram registados em São Miguel, a ilha dos Açores mais afetada pela pandemia da covid-19, e três na Terceira, na sequência de 504 testes realizados.  

12h55 - Autoridades pedem aumento da produção de vacinas em África

Líderes e responsáveis africanos apelaram hoje à rápida operacionalização da Agência Africana do Medicamento (AMA, na sigla em inglês) para cumprir o objetivo de, até 2040, o continente produzir 60% das vacinas de que precisa. "É essencial manter o ímpeto e estabelecer completamente esta agência, sem a qual África não pode autorizar independentemente e regular as vacinas e medicamentos", disse o chefe de Estado ruandês.

12h40 - Pandemia já matou pelo menos 5.253.726 pessoas no mundo

A pandemia de covid-19 matou pelo menos 5.253.726 pessoas em todo o mundo desde dezembro de 2019, segundo um balanço até às 11:00 de hoje da agência France-Presse, com base em fontes oficiais.

12h25 - Mais de 1,5 milhões de pessoas com dose de reforço da vacina em Portugal

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) revelou que Portugal já administrou mais de 1,5 milhões de doses de reforço da vacina contra a Covid-19. A Direção-Geral da Saúde refere que a “intensificação do ritmo de vacinação continua a ser uma prioridade”, pelo que os Centros de Vacinação do país “estão empenhados em vacinar pessoas convocadas através de agendamento central e local, na sua capacidade máxima”.

12h04 - Teletrabalho: Novas regras arrancam na véspera da semana de contenção

O decreto-lei que introduz as mudanças ao regime de teletrabalho foi hoje publicado em Diário da República e entra em vigor no primeiro dia do próximo ano, mesmo na véspera da semana de contenção, em que o teletrabalho será obrigatório. 

11h45 - Isaltino Morais já saiu da Unidade de Cuidados Intermédios

Numa nova atualização do estado de saúde de Isaltino Morais, o presidente da Câmara Municipal de Oeiras, a autarquia revelou, esta segunda-feira de manhã que, "durante o fim-de-semana", o político, de 71 anos, "saiu da Unidade de Cuidados Intermédios onde estava internado, estando agora num quarto".

11h25 - A atingir 80% de vacinados, Austrália antecipa reabertura de fronteiras

Annastacia Palaszczuk, primeira-ministra de Queensland, decidiu antecipar a reabertura da fronteira de Queensland para dia 13 de dezembro, a partir da 1h00 da manha (hora local). Os viajantes totalmente vacinados serão novamente recebidos na Austrália.

10h53 - Governo checo revogará vacinação obrigatória para maiores de 60 anos

O futuro Executivo da República Checa revogará a vacinação obrigatória dos maiores de 60 anos, que o atual Governo, liderado pelo primeiro-ministro populista Andrej Babis, tinha previsto introduzir. "O próximo ministro da Saúde vai revogar essa regulamentação, porque não a podemos aceitar", disse Marian Jurecka, candidata a ministra do Trabalho e dos Assuntos Sociais, argumentando as medidas não foram todas esgotadas para motivar os não vacinados a serem imunizados.

10h25 - Sporting com testes negativos à Covid-19 antes da visita a Amesterdão

Os jogadores foram testados e todos obtiveram resultado negativo, não existindo novas baixas para Rúben Amorim para a visita ao Ajax, em jogo da 6.ª e última jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. 

10h10 - Covid-19 ou gripe: Como diferenciar neste outono/inverno?

Laura Brum, virologista e diretora médica da Synlab Portugal explica as diferenças. Para ajudar a população e a comunidade médica a efetuar a distinção entre a Covid-19 e a gripe, a SYNLAB Portugal dispõe do Teste de Diagnóstico de Infeções Respiratórias, que avalia qual o agente patogénico responsável pela infeção respiratória em causa.

9h50 - "Vacina é segura, é eficaz e é importante para proteger as crianças"

Ricardo Mexia, presidente da Associação Nacional de Médicos de Saúde Pública, esteve, na manhã desta segunda-feira, na antena da SIC Notícias, onde versou acerca da provável recomendação por parte da Comissão Técnica de Vacinação da inoculação de crianças dos 5 aos 11 anos contra a Covid-19. Para o especialista, "há, efetivamente, razões para que possamos vacinar também estas faixas etárias"

9h35 - Autotestes à Covid-19: Reabastecimento será "regularizado" até amanhã"

O aumento da procura de autotestes associada às novas medidas do Governo, ditou um desaparecimento dos mesmos das prateleiras, mas o reabastecimento será "regularizado" até amanhã. A garantia foi dada pelo diretor-geral da Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED), Gonçalo Lobo Xavier, ao Público.

"Amanhã [segunda-feira] e terça-feira vamos receber grandes volumes de autotestes que temos estado a encomendar aos laboratórios estrangeiros que os fabricam e que estão a chegar por avião ou por via terrestre", referiu. 

9h15 - Futuras pandemias podem ser mais letais, diz criadora da vacina da Oxford

Uma das criadoras da vacina da Oxford/AstraZeneca defendeu hoje que as futuras pandemias podem ser mais letais do que a atual crise de covid-19 e que serão necessários mais recursos. "Esta não será a última vez que um vírus ameaçará nossas vidas e meios de subsistência", disse Sarah Gilbert na conferência Richard Dimbleby, que foi gravada em Oxford e será transmitida hoje pela BBC.

"A verdade é que a próxima [pandemia] será pior, pode ser mais contagiosa ou mais letal, ou ambas as coisas"9h00 - Realizador brasileiro Sérgio Tréfaut fala sobre o impacto da pandemia no Brasil

Numa entrevista ao Notícias ao Minuto que incidiu sobre o seu mais recente filme 'Paraíso', Sérgio Tréfault abordou o impacto da pandemia no Brasil sob a liderança de Jair Bolsonaro e falou sobre o futuro do país com as eleições do próximo ano.

8h45 - Primeiros sinais sobre gravidade da Ómicron são "encorajadores"

O conselheiro da Casa Branca para a crise sanitária, Anthony Fauci, afirmou este domingo que os sinais vindos da África do Sul sobre a gravidade dos casos associados à variante Ómicron são "algo encorajadores", mas sublinhou que são dados preliminares.

8h35 - Alemanha com mais 27.836 casos e 81 mortes por Covid-19

Atualmente, o país conta com menos 9.800 casos ativos do que ontem. A incidência dos últimos sete dias é de 441,9 por 100 mil habitantes, número superior ao registado na véspera (439,2). Neste momento, o número total de casos ativos é de, aproximadamente, 962 mil.

8h20 - Emigrantes no Canadá esperam regresso normal após férias de Natal

A comunidade portuguesa no Canadá já se "mentalizou que tem de viver com a pandemia", aprendendo a tomar as respetivas precauções, sendo que muitos já vão passar a época natalícia em Portugal. 

8h13 - Futuras pandemias poderão ser mais letais que Covid-19, diz criadora da vacina de Oxford

Uma das criadoras da vacina da Oxford-AstraZeneca, Sarah Gilbert, afirmou que as pandemias do futuro poderão ser mais letais que a Covid-19. As declarações, citadas pela BBC, foram proferidas durante uma palestra, este domingo. Gilbert sublinhou a necessidade de mais fundos para manter os avanços que foram criados para esta pandemia e, assim, preparar a próxima.

"Esta não será a última vez que um vírus ameaça as nossas vidas e realidades. A verdade é que a próxima poderá ser pior. Poderá ser mais contagiosa, mais letal ou ambas", disse a especialista.

8h09 - Aumentou confiança nos profissionais de saúde, políticos penalizados, diz estudo
 
Os portugueses têm revelado níveis elevados de confiança nos médicos, enfermeiros e outros profissionais da área da saúde, da ciência e da educação, mas a confiança depositada nos políticos baixou, ao longo da pandemia de Covid-19.

Estas são conclusões de um estudo da autoria de Miguel Ricou, professor da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) e investigador do CINTESIS - Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde.

7h40 - Risco de infeção é menor com máscaras PFF2?

Máscaras do tipo PFF2 - equivalentes a outros padrões internacionais conhecidos como N95, KN95 e P2 - oferecem quase 100% de proteção contra a Covid-19, segundo um estudo do Instituto Max Planck, da Alemanha.

7h35 - Tailândia regista primeiro caso de variante Ómicron

As autoridades sanitárias da Tailândia anunciaram hoje que detetaram o primeiro caso da variante Ómicron do vírus SARS-CoV-2, num viajante dos Estados Unidos que chegou ao país num voo proveniente de Espanha.

7h27 - Insuficiência de registos civis pode deixar milhões sem vacinas em África

A insuficiência dos registos civis em África poderá excluir milhões de pessoas da vacinação contra a covid-19 por falta de acesso a documentação e serviços de saúde, indica um estudo da Fundação Mo Ibrahim publicado hoje. 

7h20 - Argentina deteta primeiro caso da variante Ómicron

A Argentina detetou no domingo o primeiro caso da variante Ómicron do vírus SARS-CoV-2, num residente que regressou de uma viagem de trabalho à África do Sul, informou o Ministério da Saúde. Os viajantes que tenham estado no continente africano nas últimas semanas são obrigados a cumprir quarentena, devendo efetuar um teste PCR para poderem sair do isolamento.

7h15 - China deteta 61 casos nas últimas 24 horas

A China detetou 61 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, incluindo 38 por contágio local, anunciaram hoje as autoridades de saúde do país. Os casos locais foram diagnosticados nas províncias da Mongólia Interior (28), Heilongjiang (sete), Yunnan (dois) e Hebei (um).

7h07 - Cabo Verde entre países africanos capazes de cumprir meta de vacinação

Cabo Verde deverá ser um dos únicos cinco países africanos a atingir a meta da Organização Mundial de Saúde (OMS) de vacinar totalmente 40% da população até ao final do ano, estima um estudo da Fundação Mo Ibrahim publicado hoje. 

7h00 - Bom dia! Damos agora início ao acompanhamento da Covid-19. Pode recordar os acontecimentos anteriores aqui.

Leia Também: Portugal regista mais 3.786 casos e 23 óbitos por Covid-19

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório