Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2021
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 14º

Edição

Afinal, cães não foram resgatados por drone mas sim por grupo misterioso

Resgate com contornos misteriosos em La Palma.

Um grupo misterioso, denominado 'Grupo A', assumiu o resgate dos cães ameaçados pelo vulcão Cumbre Vieja e que iam ser socorridos por drones.

Depois de terem misteriosamente desaparecido do local, a empresa Aerocamaras continuou os esforços para localizar os animais, tendo encontrado apenas pegadas humanas no local. 

Entretanto, foi divulgado um vídeo nas redes sociais onde era mostrado um cartaz no local. "Força, La Palma, os cães estão bem", podia ler-se. 

Confirmada a veracidade do vídeo, a equipa do Aerocamaras, que se tinha proposto levar a cabo a missão de resgatar os animais, já deixou o local. 

De acordo com o El País, os cães são de um caçador de 70 anos que estava a caçar no dia em que o vulcão entrou em erupção e que perdeu tudo (à exceção dos seus cães, sabe-se agora). 

Para levar a cabo o misterioso resgate, os responsáveis violaram os limites que as autoridades impuseram em torno das zonas afetadas pelo vulcão, uma vez que a única forma de chegar à zona do tanque onde se encontravam os cães seria passando por cima de alguns dos fluxos de lava recentes.

E, segundo medições feitas na quarta-feira pelos drones da Aerocamaras, em algumas áreas a lava alcançava temperaturas de 160 graus. No entanto,  há também zonas frias onde é possível passar, bastando para isso ter uma câmara termográfica, à venda a partir de 180 euros, escreve o El Pais.

No vídeo que circula nas redes sociais (galeria acima) é possível os cães aparentemente bem. 

Leia Também: Militar salva gato em La Palma com respiração boca a boca

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório