Meteorologia

  • 23 ABRIL 2021
Tempo
16º
MIN 14º MÁX 20º

Edição

AO MINUTO: Internamentos em UCI sobem; 2 milhões de vacinas administradas

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Internamentos em UCI sobem; 2 milhões de vacinas administradas

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 694 casos de infeção pelo novo coronavírus e cinco mortes atribuídas à Covid-19, a par de um ligeiro aumento nos internamentos em cuidados intensivos. 

Neste mesmo dia, e após as preocupações levantadas pela nova avaliação da Agência Europeia do Medicamento (EMA) à vacina da AstraZeneca, as autoridades de saúde portuguesas decidiram que o fármaco só será administrado em Portugal a pessoas com mais de 60 anos. Esta decisão implica que o processo de inoculação dos professores sofra um atraso de uma semana.

Apesar disso, o vice-almirante Gouveia e Melo garantiu que tal não atrapalhará o plano de vacinação no país. "Temos uma população por vacinar acima dos 60 anos superior a dois milhões de habitantes. [Pelo que], a vacina da AstraZeneca, sendo útil na vacinação dessa população, o plano não vai sofrer grandes alterações e essa vacina será útil para conseguir dar proteção também a uma população mais idosa", explicitou o coordenador da task-force da vacinação.

Esta quinta-feira fica ainda marcada pelo primeiro caso de uma morte após a vacinação contra a Covid-19 em Portugal. Trata-se de uma mulher, de 61 anos e portadora de doença cardíaca, que morreu depois de ter sido vacinada contra a covid-19, revelou a Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N), remetendo informações para após o resultado da autópsia.

Consulte os mapas da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19:

15h55 - Este registo termina aqui. Continue a acompanhar-nos neste novo link.

15h43 - GNR registou mais de 1.500 casos de burlas a idosos em 2020. A Guarda Nacional Republicana (GNR) registou 1.587 crimes de burlas a idosos em 2020, com os distritos do Porto e de Setúbal a liderarem o número de casos reportados. A Guarda Nacional Republicana alertou ainda para outros métodos de burlas no âmbito da covid-19.

"O burlão aborda a vítima dizendo que irá ser notificada para ser vacinada, a meio do diálogo diz à vítima que necessita de descontaminar/desinfetar a moradia das vítimas com finalidade de ter acesso aos bens da vítima e no final os burlões acabam por levar os bens", exemplificou.

15h38 - OMS desaconselha acordos bilaterais para adquirir vacinas. O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde desaconselhou hoje a realização de acordos bilaterais para aquisição de vacinas anti-covid-19, considerando que isso leva a desigualdade na distribuição e a um "nacionalismo das vacinas".

15h35 - Bolsonaro crítica juiz que ordenou investigação sobre gestão da pandemia. O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, criticou hoje um juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) que deferiu um pedido liminar e ordenou a abertura de uma Comissão Parlamentar de Investigação (CPI) sobre as ações do Governo na pandemia de covid-19.

15h31 - Alentejo é única região do país com Rt inferior a 1. O Alentejo é a única região do país que apresenta um índice médio de transmissibilidade (Rt) do vírus SARS-CoV-2 abaixo de 1, o que sugere um aumento da incidência da covid-19, anunciou hoje o INSA.

15h16 - Falhou objetivo de iniciar vacinação a nível global até abril. O objetivo de iniciar a vacinação em todos os países do mundo nos primeiros 100 dias deste ano fracassou, já que 14 deles ainda não começaram a campanha, disse hoje o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde.

15h01 - Só 0,18% de vacinados com AstraZeneca em Espanha com efeitos secundários. Um relatório da Agência Espanhola de Medicamentos indica que apenas 0,18% dos vacinados no país com o fármaco da AstraZeneca, 1.792 em 985.528 pessoas, referiram ter sofrido qualquer tipo de efeitos adversos, como febre, dores de cabeça e dores musculares.

14h52 - Fenprof adia "ação nacional de luta" devido à vacinação dos professores. A Federação Nacional dos Professores anunciou hoje o adiamento, para 24 de abril, da "ação nacional de luta" inicialmente prevista para dia 17, em Lisboa, devido à alteração do calendário de vacinação contra a covid-19.

14h47 - Vacinação na UE. Um total de 81,5 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 foram já administradas na União Europeia (UE), de um universo de mais de 108 milhões de doses distribuídas aos países, anunciou esta sexta-feira a Comissão Europeia.

14h30 - Conselho da UE aprova 121,5 milhões adicionais para medidas urgentes. O Conselho da União Europeia, atualmente sob presidência portuguesa, aprovou hoje um financiamento adicional de 121,5 milhões de euros, a partir do orçamento comunitário, para "fazer face a necessidades urgentes relacionadas com a pandemia da covid-19".

14h20 - 87% das doses de vacinas foram obtidas por países ricos. O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse hoje que a distribuição das vacinas anti-covid-19 no mundo está muito desequilibrada, referindo que 87% das doses de vacinas foram obtidas pelos países mais ricos.

14h04 - Atualização dos dados da Covid-19 em Portugal. Registaram-se, esta sexta-feira, 694 contágios e cinco mortes por Covid-19. O Rt nacional volta a subir e está agora nos 1,02.

13h53 - PS convoca jornalista para esclarecimentos na AR sobre artigo de opinião publicado no Diário de Notícias "O jornalismo sobre a covid-19 é corrupto?"

13h46 - Quem chega a Portugal e fica de quarentena tem "acompanhamento similar" àquele que têm os "cerca de 25 mil casos ativos", disse hoje o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.

"A obrigatoriedade de quarentena" aplica-se aos cidadãos que chegam de países com "um nível de incidência superior a 500 casos por 100 mil habitantes". "São essas as recomendações durante a presidência portuguesa" do Conselho da União Europeia e que "foram adotadas a nível europeu", sendo que os países que as aplicam "vão variando em função da incidência", referiu.

13h32 - Regulador avalia casos de coágulos antes de vacina da J&J chegar à UE: A Agência Europeia do Medicamento (EMA) anunciou hoje ter iniciado uma investigação sobre casos de coágulos sanguíneos após toma da vacina da Johnson & Johnson contra a Covid-19, antes de o fármaco estar disponível na União Europeia (UE).

13h30 - Atualização nos Açores. Os Açores registaram, nas últimas 24 horas, 31 novos casos de covid-19, todos em São Miguel, a maioria "em contexto de transmissão comunitária", e nove doentes recuperaram da doença, informou hoje a Autoridade de Saúde Regional.

13h28 - O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde partilhou, esta sexta-feira, uma imagem emotiva que já se tornou viral nas redes sociais e que foi apelidada de "mão de Deus". 

A ideia de uma enfermeira brasileira consiste em usar duas luvas de plástico, cheias de água quente, e presas à mão da paciente "para melhorar a perfusão". 

"Não há palavras que expressem a minha admiração pelos profissionais de saúde nas linhas da frente da pandemia e pelas formas incríveis que encontram para dar conforto aos pacientes", escreveu Tedros Adhanom Ghebreyesus no Twitter. 

13h18 - Até à data, já foram administrados mais de 2 milhões de vacinas contra a Covid-19. 

13h09 - Atualização no mundo. A pandemia provocada pelo novo coronavírus já fez pelo menos 2.903.907 mortos em todo o mundo desde que foi notificado o primeiro caso na China, no final de 2019, segundo o balanço diário da agência France-Press.

13h07 - Costa critica falta de poderes da EMA e apela à defesa da vacinação. O primeiro-ministro lamentou hoje a ausência de uma posição comum europeia sobre a vacina da AstraZeneca, defendeu poderes reforçados para a Agência Europeia do Medicamento (EMA) e advertiu que não se deve colocar em causa a vacinação.

13h01 - As esplanadas abriram esta segunda-feira, mas o vírus ainda não foi eliminado. Por esse motivo, mantenha o cuidado.

12h52 - "Obra não parou". O ministro da Administração Interna afirmou hoje que, apesar de 2020 ter sido "um ano difícil para todos", devido à pandemia de covid-19, "a obra não parou" para dotar as forças de segurança de melhores condições.

12h44 - UE já autorizou exportação de 81 milhões doses de vacinas para 42 países. A União Europeia (UE) já autorizou a exportação de 81 milhões doses de vacinas contra a covid-19 para 42 países terceiros, num total de 531 pedidos de autorização submetidos pelas farmacêuticas, anunciou hoje a Comissão Europeia.

12h41 - António Costa anuncia 244 milhões do PRR para a Cultura (e não só). O primeiro-ministro anunciou hoje que o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) terá de forma autónoma 244 milhões de euros destinados à cultura e que 1% do investimento global em obras públicas vai reverter para a arte.

12h30 - Se quer visitar um familiar numa lar mas garantir a segurança de quem visita, siga as dicas partilhadas pela Organização Mundial de Saúde.

12h28 - Alemanha vai modificar lei para uniformizar medidas de combate à pandemia. O Governo federal alemão vai propor na próxima semana uma modificação da lei de proteção contra infeções para coordenar com os estados federados a aplicação de medidas para restringir a vida pública devido à pandemia do novo coronavírus.

12h24 - OMS não tem dados para recomendar mudança de vacina entre doses. A Organização Mundial de Saúde afirmou esta sexta-feira não poder fazer uma recomendação sobre a mudança do tipo de vacina anti-covid-19 entre doses, como a França pretende fazer para menores de 55 anos que receberam a primeira dose da AstraZeneca.
 
12h20 - Procuradoria francesa abre inquérito a morte de homem após vacinação.  A procuradoria de Saint-Brieuc anunciou, esta sexta-feira, que vai abrir uma investigação para apurar as causas da morte de um homem de 42 anos, após ter recebido uma dose da vacina da AstraZeneca O homem foi vacinado em 13 de março e morreu em 22 de março.

12h15 - Lisboa com número de mortos em março superior ao período homólogo. A Área Metropolitana de Lisboa foi a única região do país a registar, entre 1 e 28 de março, um número de mortos superior ao período hómologo nos anos de 2015 a 2019, refere o Instituto Nacional de Estatística (INE) na publicação 'Covid-19: uma leitura do contexto demográfico e da expressão territorial da pandemia'.

11h39 - A Ministra da Saúde considerou hoje que a administração da segunda dose da vacina a quem já recebeu a primeira dose da AstraZeneca será "uma decisão médica".

Reforçando a eficácia da vacina da AstraZeneca, mas sem negar um "raro risco" de efeitos secundários, Marta Temido reforçou a necessidade de se manter a confiança neste fármaco. "Nunca sabemos tudo sobre um fenómeno novo para a qual a melhor resposta continua a ser a vacinação", atirou, pedindo aos portugueses que tenham "confiança naquilo que é a evolução da ciência".

Este lembrou, ainda, que não usar esta vacina seria não vacinar dois milhões de pessoas, acima dos 60 anos, que são os que têm maior risco de desenvolver doença grave de Covid-19.

11h20 - Atualização dos dados de África. África registou hoje mais 328 mortes e 16.525 novos casos de covid-19, segundo os dados oficiais mais recentes no continente, que se aproxima dos 4,5 milhões de casos desde o início da pandemia.

11h10 - Primeira-ministra norueguesa multada por violar regras no seu aniversário. A polícia norueguesa multou hoje a primeira-ministra, Erna Solberg, em 20.000 coroas (cerca de 2.000 euros) por violar as restrições impostas pelas autoridades em relação à covid-19 ao comemorar o seu aniversário.

11h02 - Regresso aos hospitais com visitas virtuais. 'Operação Nariz Vermelho' (ONV) está a aproximar-se do número de visitas diárias que fazia presencialmente nos hospitais antes da pandemia, mas com ajuda virtual, assegurou hoje à Lusa a diretora de comunicação e angariação de fundos.

10h57 - No regresso ao trabalho, siga os conselhos da Direção Geral de Saúde, para garantir a sua segurança

10h53 - Esplanadas? Regras devem ser cumpridas. A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) apela a que sejam cumpridas todas as normas de segurança para conter a propagação da Covid-19. A associação reitera que é necessário o cumprimento de todas as medidas, "para que não haja qualquer retrocesso, o que seria desastroso para todos nós". 

10h48 -  Vence Covid-19 pela segunda vez. Uma mulher de 104 anos, que venceu a Covid-19 pela segunda vez, recebeu uma ovação de toda a equipa, quando recebeu alta do hospital.  Médicos e enfermeiros posicionaram-se no corredor do hospital de San Rafael de Tunja, na Colômbia, para aplaudir a idosa.

10h15 - Atualização dos dados de Timor. Timor-Leste registou hoje 70 novas infeções com o SARS-CoV-2, das quais 17 em vários municípios do país, incluindo Manatuto, onde ainda não havia casos registados, anunciou o Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC).

10h08 - Município de Aguiar da Beira reabre feiras quinzenais. As duas feiras quinzenais do concelho de Aguiar da Beira, no distrito da Guarda, reabrem na próxima semana "com a disponibilização dos habituais produtos e serviços" e "respeitando as regras decorrentes da pandemia de covid-19".

09h45 - "Lista verde" de destinos de férias.  Quem queira viajar de Inglaterra para o estrangeiro este verão deverá descobrir no início do próximo mês quais os destinos que não vão implicar quarentena no regresso, anunciou hoje o Governo britânico. 

09h40 - O olho como via de entrada do vírus e local de manifestação da Covid-19. A superfície ocular funciona como possível local de transmissão e zona de aparecimento de material viral e apresenta alterações inflamatórias diretas da infeção viral ou como resultado da inflamação sistémica.

09h04 - Britney Spears vacinada. A cantora, de 39 anos, e o namorado, Sam Asghari, de 27, partilharam nas últimas horas, no Instagram, um vídeo onde revelam que já receberam a vacina conta a Covid-19. 

09h00 - Hong Kong pede à AstraZeneca que suspenda encomenda de vacinas. Hong Kong anunciou hoje que pediu à AstraZeneca para suspender a sua encomenda da vacina contra a covid-19 por receio de efeitos secundários e preocupações sobre a eficácia contra novas variantes do coronavírus.

08h55 - Pandemia é trunfo perigoso da extrema-direita na Alemanha. A Covid-19, que tem precipitado a queda de apoiantes da Alternativa para a Alemanha (AfD), pode ser apresentada como trunfo do partido de extrema-direita no congresso deste fim de semana.

08h40 - França altera 2.ª dose da Astrazeneca para pessoas com menos de 55 anos. As pessoas com menos de 55 anos que receberam em França a primeira dose da vacina da farmacêutica AstraZeneca contra a covid-19 devem receber a segunda dose de outra vacina, afirmou o ministro da Saúde francês.

08h30 - Variante da Nigéria é ainda mais mortífera do que estirpe sul-africana.  Uma variante nigeriana da Covid-19, a B1525, pode ser ainda mais letal do que a estirpe sul-africana e está a suscitar medo após um aumento de casos de infeção no Reino Unido, alertam especialistas.

08h00 - Segunda dose da vacina da AstraZeneca. Em relação à toma da segunda dose da vacina da AstraZeneca, Graças Freitas considerou que quem já recebeu a primeira toma deve manter-se "calmo e confiante". 

"Entre a primeira e a segunda dose, decorrem cerca de três meses. Esta vacina tem um intervalo entre doses que é grande. Nestes três meses vamos ter informação adicional, quer da firma produtora, quer da Agência Europeia do Medicamento (EMA), e agiremos em conformidade", assegurou Graça Freitas.

07h40 - Austrália investe na vacina Pfizer. A Austrália anunciou hoje ter concluído um acordo para comprar mais 20 milhões de doses da vacina da farmacêutica Pfizer, abandonando o plano anterior de vacinação contra a covid-19 com a da AstraZeneca.

07h37 - Esplanada Segura. A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) encerrou quinta-feira quatro estabelecimentos e instaurou 21 processos de contraordenação, no seguimento de uma ação de fiscalização a 194 operadores económicos em vários municípios.

07h30 - Piores números do último mês. As autoridades de saúde alemãs reportaram, esta sexta-feira, mais 25.464 casos de Covid-19 e 296 mortes provocadas pelo novo coronavírus. Este é o segundo dia em que o país regista um valor diário de infetados superior a 20 mil casos. Estes são, aliás, os piores dados em termos de infetados do último mês.

07h26 - Doente de Covid-19 recebe transplante de pulmões do marido e do filho. Uma japonesa que perdeu a capacidade pulmonar devido a covid-19 recebeu um transplante de parte dos pulmões do seu marido e filho, a primeira operação do género a nível mundial.

07h25 - Gestão de Governo brasileiro em investigação. Um juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) brasileiro determinou na quinta-feira que o Senado instale uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para esclarecer supostas omissões do Governo, presidido por Jair Bolsonaro, na gestão da pandemia.

07h20 - Enquanto dormia: 

07h15 - Bom dia! Começa agora um novo acompanhamento da situação da Covid-19. Pode recordar os acontecimentos anteriores aqui

Leia Também: AO MINUTO: Morreu doente cardíaca após vacinação. Novo recorde no Brasil

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório