Meteorologia

  • 24 MAIO 2022
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 20º

Obra de Banksy queimada em transmissão ao vivo e vendida como token

Foi vendida na versão de um token não fungível por 380 mil dólares (319 mil euros). Confuso? Já explicamos.

Uma obra de Banksy original foi queimada num vídeo que foi transmitido ao vivo e depois vendida em versão de token não fungível (NFT). Confuso? Já explicamos.

A gravura 'Morons', representada e destruída nas imagens, é, por si, só uma crítica ao mercado da arte, representando um leiloeiro da Christies.

No vídeo transmitido na conta BurntBanksy pode ver-se um homem de máscara a pegar fogo à obra de arte com um isqueiro.

"Vou queimar esse Banksy. Se tivéssemos o token e a peça física, o valor estaria principalmente na peça física. Ao remover a obra física e ter apenas o NFT, isso garantirá que ninguém poderá alterar a peça e é a verdadeira que existe no mundo", disse durante o vídeo.

O trabalho do artista, até agora anónimo, foi depois vendido através de um token não fungível por 380 mil dólares (319 mil euros). O que significa isso? A obra passa a ficar disponível de forma digital num tipo especial de token criptográfico que representa algo único e cuja propriedade é registada numa blockchain. Ao contrário das criptomoedas, como a bitcoin, este tipo de token não é intercambiável, o que o torna único, como uma espécie de objeto de colecionador.

'Morons'

A impressão original da peça de 2006 tem representado um leiloeiro da Christie a apontar para quadros emoldurados durante um leilão. Ao pé dele aparece uma imagem, também numa moldura, na qual se pode ler: “I can’t believe you morons actually buy this." ("Seus idiotas, não acredito que comprem mesmo isto", em tradução livre).

A obra foi comprada por 95 mil dólares pela Injective Protocole, uma empresa de Blockchain, encarregue pela façanha que explicou que o objetivo era "inspirar" entusiastas da tecnologia e artistas. “Queremos explorar um novo meio de expressão artística”, acrescentaram.

Pode ver o vídeo na galeria acima.

Leia Também: Banksy vai leiloar obra para doar dinheiro ao sistema de saúde britânico

Notícias ao Minuto nomeado para os Prémios Marketeer

O Notícias ao Minuto é um dos nomeados da edição de 2022 dos Prémios Marketeer, na categoria de Digital Media. As votações decorrem até ao próximo dia 31 de maio.

Para nos ajudar a vencer, basta aceder ao site da iniciativa organizada pela revista Marketeer, clicando aqui, e proceder ao preenchimento do formulário, selecionando Notícias ao Minuto na categoria de Digital Media e formalizando depois a votação. Obrigada pela sua preferência!

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório