Meteorologia

  • 23 ABRIL 2021
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 20º

Edição

Polícia publica detenção do bombeiro que matou enfermeiro em Madrid

Enfermeiro de 41 anos de idade trabalhava no Hospital Príncipe de Asturias, em Alcalá de Henares, e foi brutalmente assassinado por companheiro de colega de trabalho.

A Polícia Nacional espanhola divulgou no domingo as imagens da detenção do suspeito de ter degolado um enfermeiro no Hospital Príncipe de Asturias, em Alcalá de Henares, conforme foi ontem noticiado.

O suspeito, identificado como Gonzalo, de 38 anos, começou a desconfiar da sua namorada, que trabalhava como enfermeira no mesmo hospital que a vítima mortal.

Convencido de que a causa do alargamento dos turnos da sua namorada era uma possível infidelidade, o homicida, conduzindo uma ambulância, dirigiu-se ao hospital e degolou Sergio Luis García, este sábado.

"Presumivelmente, desferiu vários golpes de faca na vítima e, ainda que se tenha tentado barricar numa sala, foi detido", indicou a Polícia Nacional".

Os colegas da vítima, de 41 anos de idade, que deixa dois filhos menores, recorreram às redes sociais para lhe prestar homenagem.

Leia Também: Motorista de ambulância degola enfermeiro em hospital de Madrid

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório