Meteorologia

  • 15 JUNHO 2021
Tempo
31º
MIN 17º MÁX 32º

Edição

AO MINUTO: Internados descem e recuperados (já) superam os 280 mil

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo.

AO MINUTO: Internados descem e recuperados (já) superam os 280 mil

Portugal registou 84 mortes e 2.638 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total acumulado de vítimas mortais para 5.733 e o de contágios para 353.576.

Na segunda-feira, à margem da inauguração de um novo serviço de urgência, na Amadora, a ministra da Saúde alertou que "este ano, o Natal tem de ser vivido de forma diferente, refletida e cuidadosa", referindo que apesar de a vacina ser "uma luz ao fundo do túnel", continua a existir "uma elevada pressão sobre o sistema de saúde".

Consulte os mapas interativos da evolução da pandemia do novo coronavírus em Portugal e no Mundo.

Acompanhe aqui AO MINUTO os mais recentes desenvolvimentos sobre a Covid-19 em Portugal e no Mundo:

16h00 - Este registo chegou ao fim, mas pode acompanhar um novo aqui.

15h52 - Surto na Misericórdia de Portalegre. O surto de Covid-19 em valências da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre (SCMP) já provocou 14 mortes, estando ainda infetados 15 residentes e quatro funcionários, divulgou hoje a comissão administrativa da instituição.

15h50 - FNAJ sensibiliza jovens para comportamentos seguros durante férias. A Federação Nacional das Associações Juvenis (FNAJ) vai promover na quinta-feira uma iniciativa em mais de 18 escolas portuguesas que visa "sensibilizar" os jovens para a adoção de comportamentos seguros durante as férias de Natal, foi hoje revelado.

15h46 - Portugal e Israel juntos no combate à pandemia na Guiné-Bissau. O apoio é dado no âmbito de um memorando de entendimento assinado, em outubro, pelo Camões e pela Agência Israelita de Cooperação Internacional para a "implementação de parcerias triangulares que contribuam para a erradicação da pobreza e para o desenvolvimento sustentável em países parceiros", refere o instituto de cooperação portuguesa, em comunicado.

15h41 - Confrontosem Kiev. Dezenas de pessoas ficaram feridas hoje em Kiev, Ucrânia, em confrontos entre a polícia e manifestantes que protestavam contra o encerramento de setores económicos não essenciais entre 08 e 24 de janeiro para conter a Covid-19.

15h31 - O surto de Covid-19 no lar e unidade de cuidados continuados da Quinta da Relva, em Olhalvo, no concelho de Alenquer, passou de 71 para 86 infetados, disse hoje o delegado de saúde local.

15h22 - Mais um óbito e 40 novos infetados em Moçambique. As autoridades de saúde moçambicanas anunciaram hoje a morte de mais uma pessoa por Covid-19 no país, elevando o total para 144, e 40 novas infeções pelo coronavírus, indica uma nota do Ministério da Saúde.

15h18 - Acompanhe a conferência de imprensa da Direção-Geral da Saúde.

15h00 - "De um ponto de vista exclusivamente epidemiológico, não devemos baixar a guarda no Natal." A afirmação é do especialista John Edmunds, membro do Grupo Científico de Aconselhamento para Emergências (SAGE), que explicou, esta terça-feira, que as novas medidas visam criar um equilíbrio.

"Como com todas as políticas de saúde pública, o relaxamento de medidas no Natal é uma balança. De um ponto de vista exclusivamente epidemiológico, não devemos baixar a guarda no Natal, especialmente porque a a prevalência do vírus na comunidade permanece perigosamente alta", explicou, acrescentando que "por outro lado, está claro que muitas pessoas pretendem reunir-se com os familiares" e, por isso, as novas regras pretendem criar um equilíbrio.

14h46 - Açores com 40 novos casos e total de 459 positivos. A região autónoma registou nas últimas 24 horas 40 novos casos positivos de Covid-19, a sua maioria na ilha de São Miguel, elevando para 459 o número de positivos ativos na região, anunciou hoje a Autoridade de Saúde Regional.

14h40 - Vacinas e fundos europeus serão os dois motores da recuperação. O primeiro-ministro considerou hoje que as vacinas anti-Covid-19 e os fundos europeus serão os motores da recuperação do país e adiantou que o Plano de Recuperação deverá ficar fechado com a Comissão Europeia em janeiro.

14h30 - Regulador dos EUA diz que vacina da Moderna não apresenta problemas. A vacina contra a Covid-19 produzida pela Moderna não apresenta "nenhum problema específico de segurança", disse hoje a agência de medicamentos do Estados Unidos (FDA), que reúne quinta-feira para decidir sobre a sua autorização urgente.

14h22 - Número de internados em Portugal desce. Neste momento, há 3.206 pessoas internadas (menos 48 face a ontem), das quais 506 se encontram em Unidades de Cuidados Intensivos (menos sete nas últimas 24 horas).

14h14 - Portugal registou mais 84 mortes e 2.638 novos casos de infeção pelo novo coronavírus nas últimas 24 horas. Desde o início da pandemia, 353.576 pessoas testaram positivo ao novo coronavírus, das quais 5.733 pessoas morreram.

Nas últimas 24 horas, 5.761 doentes recuperaram da doença, elevando para 280.038 o número total de recuperados.

14h03 - Pouco depois de uma fonte do governo alemão ter revelado à Reuters que a Agência Europeia de Medicamentos anunciou hoje que antecipou a reunião de revisão da vacina Pfizer-BioNTech contra a Covid-19 para 21 de dezembro, o que significa que deverá aprovar nesse dia o uso da vacina na União Europeia. A entidade, que regula a aprovação de medicamentos na União Europeia, tinha agendado a reunião para 29 de dezembro, mas decidiu antecipar justificando que o fez depois de ter recebido dos laboratórios que a produzem informação adicional sobre a vacina.

13h56 - As viagens interilhas cabo-verdianas a partir de "ilhas verdes", com um acumulado de casos de Covid-19 inferior a 25 por 100 mil habitantes, deixam de obrigar os passageiros a realizar testes, segundo o novo modelo definido pelo Governo.

13h39 - O surto de Covid-19 em explorações hortofrutícolas de Torres Vedras atingiu 247 trabalhadores, quando eram 153 no dia 03, mas apenas 68 se mantêm casos ativos, disse hoje fonte oficial do município. A mesma fonte adiantou que, desde que o surto foi detetado em meados de novembro, ficaram infetados 247 trabalhadores de explorações agrícolas pertencentes a empresas hortofrutícolas da freguesia de A-dos-Cunhados, naquele concelho do distrito de Lisboa.

13h30 - Por sua vez, o surto de Covid-19 no lar da Santa Casa da Misericórdia de Marvão (SCMM), no distrito de Portalegre, aumentou nos últimos dias de 35 para 60 infetados, disse hoje à agência Lusa o presidente do município. De acordo com o boletim diário publicado pela Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA) na sua página na Internet, o concelho de Marvão apresenta 76 casos ativos, tendo sido confirmados 100 casos desde o início da pandemia.

13h16 - A Santa Casa da Misericórdia de Barcelos tem um surto ativo de Covid-19 no Lar Nossa Senhora da Misericórdia, com 51 idosos e 22 colaboradores infetados com o novo coronavírus, anunciou hoje a instituição. Em nota informativa publicada na sua página da internet, a Santa Casa acrescenta que a maioria dos doentes está assintomática, em confinamento nos quartos e sob acompanhamento de médico, equipa de enfermagem e auxiliares de geriatria.

13h07 - Uma mulher de 105 anos, residente numa casa de repouso em Annecy, nos Alpes franceses, sobreviveu ao contágio de Covid-19. Léa Lavy que celebrou 105 anos de idade no passado dia 10 dezembro sobreviveu à doença que a afetou "de forma branda",

12h40 - Morreu enfermeiro que permitiu que doentes se despedissem de familiares. Massimo Colombi, o enfermeiro que impulsionou um projeto, em Málaga, para que os idosos se pudessem despedir-se dos seus familiares, durante a pandemia, não resistiu depois de ter ficado infetado com a Covid-19..

12h27 - Publicado prolongamento até março de apoios a obras do Adaptar. O prolongamento até março do programa Adaptar, de apoio à reconversão dos estabelecimentos e métodos de trabalhos das micro, pequenas e médias empresas, para cumprirem distanciamento devido à pandemia, foi hoje publicado e entra em vigor quarta-feira.

12h22 - Pandemia já matou mais de 1,62 milhões de pessoas no mundo. Mais de 72.761.200 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados desde o início da epidemia, dos quais pelo menos 46.866.300 já são considerados curados.

12h21 - Empresários itinerantes exigem trabalho ou apoios. Cerca de meia centena de empresários itinerantes concentraram-se na manhã de hoje em frente à Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP), em Coimbra, para exigir a realização dos eventos municipais ou, em alternativa, apoios financeiros.

12h18 - Surto com 25 infetados em lar da Lourinhã. Vinte e cinco pessoas estão infetadas com Covid-19 no lar da Associação para o Desenvolvimento da Cabeça Gorda, na Lourinhã, disse hoje fonte oficial do município à agência Lusa.

12h07 - Regulador europeu deverá dar 'ok' a vacina da Pfizer a 23 de dezembro. A Agência Europeia do Medicamento (EMA) deverá aprovar o uso da vacina da Pfizer e da BioNTech no próximo dia 23 de dezembro, segundo uma fonte do governo alemão revelou à Reuters, esta terça-feira. A data anteriormente avançada era 29 de dezembro.

11h45 - Velocidade de transmissão do vírus volta 'a disparar' na Catalunha, reporta o El País. Em apenas alguns dias, o Rt (valor médio do risco de transmissão) subiu de 0,91 para 1,11.

11h34 - Autoridades de saúde suecas avaliaram mal ressurgimento do vírus. As autoridades de saúde da Suécia, que optaram por não impor um confinamento nacional em resposta à primeira onda da pandemia do novo coronavírus, avaliaram mal o poder do ressurgimento do vírus, disse hoje o primeiro-ministro do país.

11h19 - Portugal paga 11,2 milhões a fundo europeu para garantir vacina. O Governo autorizou o pagamento de 11.209.005 euros ao Instrumento de Apoio a Emergências, um fundo europeu que visa garantir a produção da vacina contra a Covid-19. A informação foi publicada esta terça-feira, em Diário da República.

De acordo com o diploma, os encargos financeiros são integralmente pagos em 2020, por verbas inscritas no orçamento da ACSS, mas serão, posteriormente, cobertos com subsídios europeus provenientes do Plano de Recuperação para a Europa (REACT-EU).

11h04 - Cientistas criam solução para auscultação convencional em infetados. Uma equipa de investigadores desenvolveu uma solução para possibilitar a auscultação convencional em pacientes Covid-19, anunciou hoje a Universidade de Coimbra (UC), referindo a impossibilidade de utilização do estetoscópio na prática médica por risco de contágio.

11h01 - Restrições nos voos de fora da UE prolongadas até final do ano. O Governo prolongou até ao final do ano as medidas restritivas em vigor ao tráfego aéreo de fora da União Europeia e do Espaço Schengen, que continua limitado a "viagens essenciais" e sujeito a teste prévio negativo à Covid-19.

10h56 - Governo britânico aconselhado a repensar relaxamento de medidas. Duas conhecidas revistas médicas consideram que o governo devia "seguir os exemplos mais cautelosos da Alemanha, Itália e Países Baixos" e não aligeirar as restrições durante o período festivo, reporta a Sky News. "Acreditamos que o governo está prestes a cometer outro grande erro que custará muitas vidas", pode ler-se naquele que foi naquele que foi o seu segundo editorial conjunto em mais de 100 anos.

O 'mayor' de Londres, Sadiq Khan, também apelou ao governo que repense a decisão.

10h53 - Pandemia pode levar 25 milhões para a pobreza na Ásia-Pacífico. Os efeitos económicos da pandemia da Covid-19 podem atirar até 25 milhões de pessoas para a pobreza na região Ásia-Pacífico, segundo um relatório hoje publicado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT).

10h50 - Rússia ultrapassa 2,7 milhões de infetados desde início da pandemia. O país ultrapassou hoje a barreira das 2,7 milhões de pessoas diagnosticadas com Covid-19 desde o início da pandemia, ao somar 26.689 novos casos nas últimas 24 horas, indicou o centro operacional de combate ao coronavírus.

A Rússia também regista quase 48.000 mortes pela doença (47.968 desde o início da pandemia), depois de notificar 577 mortes nas últimas 24 horas.

10h44 - Bélgica não descarta endurecer medidas. Após o endurecimento de medidas nos Países Baixos e Alemanha, a Bélgica poderá ser o próximo país a 'apertar as restrições'. "Se for necessário, não só teremos de reforçar o cumprimento das medidas existentes, mas também fazer ajustes aqui e ali para que as pessoas cumpram as regras básicas", disse, esta terça-feira, o ministro da Saúde belga, Frank Vandenbroucke, numa entrevista à Rádio 1.

10h38 - África com mais 310 mortes e 10.881 infetados em 24 horas. De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o continente africano regista agora um total de 2.389.975 pessoas infetadas e 56.647 óbitos desde o início da pandemia nos 55 estados-membros da União Africana.

10h33 - O INEM é uma das 13 entidades do Serviço Nacional de Saúde distinguidas pela Federação Internacional dos Hospitaisno âmbito do combate à pandemia.

10h30 - "Portugueses receiam infeção por Covid-19 nos transportes públicos". A conclusão é de um estudo partilhado, esta terça-feira, pela DECO.

Considerando que os resultados "não oferecem grande surpresa", a DECO explica que as conclusões são inclusivamente "transversais" a outros países onde o inquérito foi conduzido sob a alçada da Organização Europeia de Consumidores e do International Consumer Research and Testing.

10h28 - Vocalista da banda Roupa Nova morre vítima de Covid-19. O cantor, mais conhecido como Paulinho, foi vítima de Covid-19. Tinha 68 anos.

10h22 - Alemanha exige que Agência Europeia do Medicamento aprove vacina antes do Natal. O ministro da Saúde alemão aumentou a pressão sobre a Agência Europeia do Medicamento e exigiu que seja aprovada uma vacina contra o novo coronavírus antes do Natal. "O nosso objetivo é ter uma vacina aprovada antes do Natal para que possamos começar a vacinar ainda este ano", disse Jens Spahn, citado pela agência dpa.

09h55 - 'Apertam-se restrições' na Europa. Apesar da 'luz ao fundo do túnel' que a aprovação de vacinas tem gerado, há países na Europa a endurecer as medidas para combater o aumento de casos de Covid-19.

Esta segunda-feira, o primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou o encerramento de creches, escolas e universidades, bem como de todos os serviços não essenciais, como lojas, ginásios e museus, à meia-noite de terça-feira até 19 de janeiro, num dos mais rígidos confinamentos decretados no país desde março.

Também na Alemanha, as regras endurecem a partir de quarta-feira e até 10 de janeiro. O Governo da Alemanha anunciou um endurecimento das regras para travar a propagação do novo coronavírus com o encerramento de escolas e de todo o comércio não-essencial.

09h33 - Pandemia faz aumentar número de hotéis colocados à venda.De acordo com o portal Idealista, no final de outubro, havia 166 unidades hoteleiras à venda, um aumento de 4% face a março.

09h32 - Hospital de Cantanhede premiado por resposta inovadora. O programa de gestão de visitas a doentes, desenvolvido pelo Hospital de Cantanhede no início da pandemia da Covid-19, foi reconhecido a nível mundial pela forma inovadora como preservou a dignidade do doente e da sua família.

09h22 - A Força Aérea transportou um doente que testou positivo à Covid-19, entre ilhas nos Açores. "À chegada à Base Aérea N.º 4, Lajes, a Equipa de Descontaminação da Unidade efetuou os procedimentos sanitários adequados para a descontaminação da aeronave", pode ler-se na página de Twitter, da Força Aérea.

09h10 - Sente-se triste, preocupado, ansioso ou desmotivado? A DGS esclarece que durante uma crise como a que estamos a passar "é normal" que possa ter esses sentimentos. Por isso, eis as dicas da autoridade de saúde para combater esses sentimentos:

  • Mantenha rotinas diárias
  • Procure fazer atividades que gosta
  • Use as tecnologias para manter contacto com outras pessoas
  • Procure informações de instituições oficiais
  • Cuide do seu corpo e da sua saúde mental

09h00 - Britânicos não devem interpretar mal o que dizem as diretrizes. O ministroSteve Barclay explicou, em declarações à Sky News, que as diretrizes do governo para as festividades não devem ser "mal interpretadas". "Não é o mesmo que dizer que as pessoas devem visitar a família (...) é dizer que se as famílias se quiserem reunir, não serão legalmente punidas por isso", explicou.

08h16 - Itália necessita de novas restrições para evitar uma "devastadora" terceira vaga, disse o primeiro-ministro italiano. "São necessárias medidas mais restritivas e agora. Temos de evitar uma terceira vaga, porque teria um efeito devastador", explicou Giuseppe Conte, em entrevista ao La Stampa.

07h46 - Treze entidades do SNS distinguidas pela Federação dos Hospitais. Treze entidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS) fazem parte de um total de 103 instituições de 28 países que foram distinguidas pela Federação Internacional dos Hospitais pelos "serviços excecionais" que prestaram no combate à pandemia de Covid-19.

07h30 -Alemanha regista 14.432 novos casos de Covid e mais 500 mortes.Desde o início da pandemia,1.351.510 pessoas testaram positivo ao novo coronavírusno país, das quais 22.475 morreram.

07h25 - Autoridades federais e estaduais dos EUA estão a reprimir uma série de esquemas ilegais, que proliferaram durante a pandemia e se aproveitaram do desespero das pessoas que perderam os empregos na crise da economia.

Os esquemas vão desde trabalho em casa para revenda de produtos de luxo até a 'pirâmides', em que se solicita dinheiro, passando por promessas de ganhos rápidos em investimentos fraudulentos.

07h20 - Quais são os animais mais suscetíveis à infeção? De acordo com um novo estudo, realizado por investigadores do Centro de Regulação Genómica (CRG) de Barcelona e publicado na revista especializada PLOS Computational Biology, furões e gatos estão entre os animais mais suscetíveis à infeção por coronavírus, depois dos humanos.

07h11 - Um terço da população não recebe apoio público para combater pandemia. Cerca de 2,7 mil milhões de pessoas, mais de um terço da população mundial, não receberam nenhum apoio público para lidar com os efeitos da pandemia, segundo uma análise divulgada hoje pela Oxfam Intermón.

07h10 - Maioria dos japoneses contra Jogos Olímpicos no próximo verão. Uma maioria de japoneses continua a opor-se à realização dos Jogos Olímpicos de Tóquio, adiados para 2021 devido à Covid-19, e defende um novo adiamento ou uma anulação do evento, indicou uma sondagem hoje divulgada.

07h05 - Enquanto dormia:

  • México com 345 mortos e mais de cinco mil casos em 24 horas. O país registou 114.298 mortos e 1.255.974 de contágios desde o início da pandemia, em fevereiro passado.
  • China soma três casos por contágio local e 14 importados. Os três casos por contágio local foram diagnosticados nas províncias de Sichuan (sudoeste) e de Heilongjiang (nordeste).

07h00 -Bom dia!Iniciamos aqui um novo registo onde poderá acompanhar todas as incidências daCovid-19 em Portugal e no Mundo. Para recordar o que ocorreu ontem,clique aqui.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório