Meteorologia

  • 28 NOVEMBRO 2020
Tempo
14º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

A Covid-19 está "a despedaçar-me o coração". Idosa pede para ver filhos

Separada, há seis meses, da família, Mary diz que a ausência dos filhos a deixa mais assustada do que a Covid-19.

Mary tem 104 anos e vive numa casa sénior, na Escócia.

Devido à Covid-19, a idosa está há seis meses sem ver a família, situação que diz estar a "despedaçar o seu coração".

A idosa filmou um vídeo, que foi partilhado por uma funcionária do lar onde vive, onde lamenta estar separada da família e pede para que a ajudem a reunir-se novamente com os seus filhos e netos.

"Sou muito bem tratada aqui. Mas preciso de ver a minha família", afirma, acrescentando que "o tempo dela está a acabar".

A pandemia veio afastar muitos idosos, que vivem em lares e centros de repouso, das suas famílias, uma vez que os governos e as administrações destes espaços proibiram as visitas de familiares para evitar possíveis casos de contágio, provenientes do exterior.

Desde março, Mary apenas conseguiu ver uma das suas filhas, em breves visitas realizadas à janela.

"Preciso de ver os meus filhos e fazer com que as coisas voltem a ser como dantes. Por favor ajudem-me, por favor ajudem-me", apela a idosa. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório