Meteorologia

  • 14 AGOSTO 2020
Tempo
25º
MIN 16º MÁX 26º

Edição

Incêndio em camião-cisterna provoca sete mortos e 40 feridos na Colômbia

Pelo menos sete pessoas morreram e 40 ficaram feridas esta segunda-feira quando um camião-cisterna carregado com gasolina tombou na estrada entre as cidades colombianas de Barranquilla e Santa Marta e se incendiou, informaram as autoridades.

O incêndio deflagrou na povoação de Puebloviejo, no departamento caribenho de Magdalena, quando os residentes da região estavam junto ao camião, aparentemente para recolher o combustível do veículo acidentado.

"Infelizmente, informamos que pelo menos sete pessoas morreram queimadas e outras 40 sofreram queimaduras consideráveis", referiu a concessionária Ruta del Sol II, responsável pela exploração da estrada onde ocorreu o acidente, num comunicado.

O presidente da Câmara de Puebloviejo, Fabian David Ospino, disse nas redes sociais que "pelo menos sete pessoas ficaram queimadas neste trágico acidente" e acrescentou que o número de feridos poderia chegar a 50.

O diretor do Gabinete de Gestão de Riscos de Magdalena, Javier Pava, adiantou à Efe que, devido à gravidade das queimaduras, 17 dos feridos foram levados para hospitais em Santa Marta, Barranquilla e Valledupar.

"Até agora temos estas informações, mas ainda estamos a acompanhar a evolução do estado de outras pessoas que foram feridas no acidente, para determinar se devem ser transferidas", acrescentou.

Na nota divulgada, a Ruta del Sol II pormenorizou que quando elementos da concessionária chegaram ao local "o trabalho foi interrompido por um grupo de residentes, que chegaram de motociclo e avançaram para retirar a gasolina do veículo acidentado".

"Apesar do facto de os funcionários da Ruta del Sol II, juntamente com agentes da polícia, terem tentado alertar para o perigo na área, muitas pessoas ignoraram e continuaram a encher os recipientes com o hidrocarboneto", adiantou a declaração, especificando que "a presença maciça de pessoas impediu que o local fosse vedado".

A empresa concessionária sublinhou ainda que "o camião não explodiu, mas foi subitamente consumido pelas chamas, sem dar tempo àqueles que se encontravam nas imediações para reagir".

Nas redes sociais circularam imagens tiradas com telemóveis que mostram uma quantidade numerosa de pessoas ao redor do camião-cisterna após ter tombado e também várias vítimas, com queimaduras em diferentes partes do corpo, a correr à procura de ajuda.

Puebloviejo, a cidade onde aconteceu o acidente, é um município com elevados índices de pobreza, localizado na ilha de Salamanca, uma estreita divisão natural entre Ciénaga Grande de Santa Marta e o mar das Caraíbas.

Alertamos que o vídeo acima pode ferir a susceptibilidade dos leitores mais sensíveis. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório