Meteorologia

  • 28 OUTUBRO 2020
Tempo
20º
MIN 14º MÁX 20º

Edição

Criança empurrada de uma varanda da Tate Modern já recuperou a fala

A criança que ficou gravemente ferida após ter sido empurrada de uma varanda no topo da galeria Tate Modern de Londres já recuperou a fala e alguns movimentos de braços e de pernas, anunciou hoje a família do menor.

Criança empurrada de uma varanda da Tate Modern já recuperou a fala
Notícias ao Minuto

14:50 - 19/12/19 por Lusa

Mundo Londres

"Temos boas notícias para partilhar convosco. O nosso pequeno cavaleiro recomeçou a falar", anunciaram os pais da criança, um menino com nacionalidade francesa, na página na Internet que criaram para recolher doações para financiar os tratamentos médicos do menor.

"Ele pronuncia uma sílaba após outra sílaba e, mesmo que tenhamos de adivinhar na maioria das vezes o que ele está a tentar dizer, está cada vez melhor", acrescentaram.

Os pais da criança também informaram que o menor começou "muito devagar" a mexer os braços e as pernas.

Uma experiência "dolorosa" e "cansativa", segundo descreveram os mesmos, salientando, porém, que o processo está a ser encarado pela família como "um maravilhoso progresso".

O incidente deu-se a 4 de agosto, quando um adolescente britânico empurrou a criança de uma plataforma de observação da Tate Modern, à altura do 10.º andar.

A criança acabou por cair num telhado do 5.º andar, cerca de 30 metros mais abaixo.

A criança francesa, que estava de visita a Londres com a família, sofreu uma hemorragia cerebral e fraturas na coluna, braços e pernas e passou alguns meses nos cuidados intensivos.

A 6 de dezembro, o jovem britânico acusado de empurrar a criança de seis anos, identificado como Jonty Bravery, declarou-se culpado de tentativa de homicídio, mas os motivos que terão desencadeado a ação ainda não são claros.

Segundo uma primeira avaliação psicológica, Jonty Bravery apresenta distúrbios autistas, transtornos obsessivos e transtornos de personalidade.

Bravery, de 18 anos (17 na altura do incidente), vai permanecer detido e terá uma audiência de sentença a 17 de fevereiro, devendo até lá ser sujeito a novos testes psicológicos.

A Tate Modern, um museu de arte moderna situado nas margens do rio Tamisa, é um dos locais mais visitados pelos turistas na capital britânica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório